segunda-feira, 24 de setembro de 2018

ASTROS, Jim Carrey revela-se como escultor, pintor e crítico

Jim Carrey mudou muito. O ator de "O Máskara" e outros sucessos de bilheteria, desde que atuou no documentário sobre o comediante Andy Kaufman alterou sua rotina. Passou a criticar o modo de como Hollywood "usa" seus atores. Tornou-se um crítico do sistema político: leia-se Donald Trump. Mas adentrou seu talento em outro tipo de arte: o da pintura e da escultura. Seus trabalhos nessa área são revelados pela revista "The Hollywood Reporter". 






Depois de oito meses negando-se a viver qualquer papel, ele está retomando o contato com a arte de atuar em Hollywood, com "Kidding"


"Em seu primeiro perfil extenso em anos, o astro de cinema de 20 milhões de dólares e atual cartunista político abre seu desapotamento, sua dor pessoal, sua indignação e por que ele está voltando aos holofotes com 'Kidding' da Showtime: plano não era se juntar a Hollywood. Era para destruí-la".

Nenhum comentário: