Translate

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2020

TV. Cultura denuncia ataques a jornalista que se manifestou


CENSURA. Episódio revela proibição da cobertura do motim


Um episódio de reconhecida censura à imprensa foi registrado ontem, quando um chamado líder dos policiais na unidade onde os policiais estão amotinados em Antonio Bezerra, só permitiu o acesso de jornalistas de O Povo e da TV Diário à reunião, ficando o restante do lado de fora. Nada mais do que a repetição do que já se viu no passado em tempos de chumbo no Brasil e que têm raízes no acesso do ditador Adolf Hitler na Alemanha. Lamentável atitude, principalmente, vinda de alguém que se revelou um bom negociador nos tempos em que exerceu cargo legislativo. 

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2020

TV. Mudanças na GloboNews e como CNN ajuda a Band News


A colunista Cristina Padiglione conta que a GloboNews prepara uma série de mudanças na grade de programação a partir de 2 de março, com mais informações ao vivo. As reformas na grade da Globonews acontecem poucos dias antes da previsão de estreia da CNN Brasil.

A CNN Brasil será vizinha da Band News no lineup das operadoras que abrigarão o novo canal, como a Claro/NET, uma vizinhança que pode beneficiar os dois canais.

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2020

IMPRENSA. Eduardo Tessler cita rebelião da revista IstoÉ

Enfim, a imprensa se rebela


Demorou 14 meses, mas enfim um meio de comunicação pede - explicitamente - o final imediato do mandato do Presidente da República.


A revista IstoÉ (SP), vista por alguns como "QuantoÉ", levanta a bandeira do impeachment de Bolsonaro, o mais polêmico de todos os presidentes da história do Brasil - incluindo os militares.

Folha de S. Paulo (SP) e O Estado de S. Paulo (SP) foram muito duros em editoriais, mas nenhum pede a saída do Presidente. E motivos de desrespeito à Constituição não faltam - muito mais claros que as pedaladas fiscais de 2015/2016.

Depois do desrespeito às mulheres e à repórter Patrícia Campos Mello, os tiros no senador Cid Gomes talvez tenham sido o estopim de algo maior que está por vir. A imprensa, pelo menos, acordou.

domingo, 23 de fevereiro de 2020

CARNAVAL. Damares preocupada com o 'respeito' das vestes

E como era de se esperar, a ministra Damares deu o ar de sua (des)graça postando no Instagram uma espécie de orientação religiosa para que as pessoas tenham respeito com o vestem nessa festa. Na foto postada no Instagram, ela surge de véu de noiva, como quem expõe um íntimo desejo. Freud deve explicar bem a insistência dessa senhora em só pensar "naquiiiiiilo". Depois de ver a besteira que postou, excluiu. 


REBELIÃO. Imprensa cita bolsonaristas como incitadores

Ao falar do movimento rebelde da PM cearense, a mídia em geral destacou o papel de militares, eleitos para cargos legislativos, que auxiliaram o movimento a descambar para o vandalismo. A Fórum, por exemplo, cita matéria do Diário do Nordeste, dizendo que "PMs amotinados que atiraram em Cid Gomes agem sob orientação de políticos bolsonaristas no Ceará". 


LER. Marcelo Zero vê "colombinização" das forças militares

No site Vi O Mundo, Marcelo Zero disserta sobre o que ele chama de "colombinização" das forças militares brasileiras, a partir de movimentos como o do Estado do Ceará. E lá para tantas, em seu artigo "Brasil caminha para ser uma grande Colômbia e Forças Armadas parecem não perceber o perigo que correm", ele recorda a maneira como Hitler cooptou as instituições - inclusive as policiais - para o exercício da repressão. 


Essa cooptação das instituições, inclusive das instituições policiais, para o exercício da repressão política havia se dado com notável rapidez na Alemanha nazista.
Quando Hitler chegou ao poder, havia certa desconfiança das polícias alemãs com o nazismo, dado o caráter destrutivo do movimento nos anos 20.
Contudo, os nazistas rapidamente cooptaram as polícias.
Como?
Em primeiro lugar, reaparelhando as polícias e dando-lhes aumentos salariais.
Mas isso não foi o mais importante.
O mais importante foi o “empoderamento” das polícias.
Com o nazismo, as polícias receberam carta branca para reprimir.
Elas foram encorajadas a realizar “atividades preventivas”, frequentemente à margem de quaisquer controles judiciais.
Em pouco tempo, as polícias alemãs se converteram no principal aparelho repressor contra judeus, comunistas e outros indesejáveis do regime.
Realizavam o grosso do trabalho sujo, sob a direção da Gestapo e das SS.
Como na Colômbia, as polícias se converteram em polícia política.

No Brasil, essa “colombianização” das polícias e das forças armadas e a “fascistização” dos órgãos do aparelho repressor acontece a olhos vistos com Bolsonaro.

[...] Até hoje, a Colômbia luta para sair da guerra e da armadilha política e estratégica em que se meteu.

Ou o Brasil reage com escavadeiras democraticamente organizadas, ou só nos restará cantar uma cumbia triste.

Ou assobiar a Cavalgada das Valquírias.

REVISTA. A Veja grafa o sobrenome de Camilo como Pena

A revista Veja (online) grafou o nome do nosso governador (do Ceará) como Camilo Pena. Equívoco ou não, o texto do colunista Ricardo Noblat deixa uma impressão de que o autor faz blague com a situação de Sobreira Santana (seu verdadeiro sobrenome) em relação à falta de controle da crise da PM no Estado. Queira ou não, sejamos francos, nesse caso, o governador tem agido com a dignidade e o respeito que detém pela área da segurança, onde mais investiu e, diante do impasse em relação aos amotinados, mantém a palavra de que não vai negociar com os rebelados. Caso isso aconteça, aí sim Camilo poderia merecer a pena como o identifica o jornalista Noblat. 


sábado, 22 de fevereiro de 2020

TWITTER. E a postagem nossa foi citada no Conversa Fiada



O pessoal que gera as postagens do antigo site do saudoso Paulo Henrique Amorim postou nosso tweet sobre o 'vade retro' do Cid Gomes. 

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020

CARNAVAL. Paracuru sem folia em 2020. Parou por que?...


JORNAIS. Se era pra ser nascença, o Focus se equivocou

Bons tempos quando as redações dos jornais impressos disponibilizavam a figura de um revisor para uma verificação final dos textos jornalísticos, antes de eles descerem ao parque de impressão. Se ele ainda assinasse o ponto nos dias de hoje, provavelmente, a redação de um site de notícias, sério e competente como o Focus, não teria deixado passar um erro "a la ministro Weintraub". Pois no texto sobre o senador do Pará, que veio mediar a crise na PM do Ceará, o Focus 'weintrabou': escreveu nescenssa (para se referir a nascença e se teclou por engano na primeira sílaba com 'e', piorou ao trocar o 'ç' por dois 'ss'). 


TV. Opinião machista leva emissora a demitir apresentador

A RBA (Rede Brasil Amazônia), afiliada da TV Band em Belém, afastou o jornalista Joaquim Campos, apresentador de um programa e também vereador pelo Podemos, por declarações na tribuna sobre a repórter da Folha Patrícia Campos Mello
Segundo um vereador do PSOL confirmou à reportagem, na tribuna nesta quarta-feira (19), ele xingou Patrícia de vagabunda. 
Informações da FOLHA

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2020

MÚSICA. Um jeito irreverente de tocar Mozart com celular


RÁDIO. Simão lê nossa postagem e faz citação na coluna



E o irreverente José Simão andou citando uma postagem nossa sobre o caso Cid Gomes, que se montou numa retroescavadeira e foi pra cima de amotinados num batalhão policial de Sobral. Ele leu a postagem que publiquei no Twitter e, na manhã de hoje, fez a citação na sua coluna "Buemba! Buemba!" da Band News FM, ao lado do âncora Barão. A citação é feita exatamente a 1min58seg da sua participação. 

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020

NOMES. Morre em SP, aos 83 anos, o cineasta Zé do Caixão

Morreu nesta quarta (19) em São Paulo o cineasta José Mojica Marins, ao 83 anos, em São Paulo. Conhecido como o Zé do Caixão, ele estava internado devido a uma broncopneumonia.





segunda-feira, 17 de fevereiro de 2020

MEMÓRIA. As colunas de rádio de Selma Lobo e Aramis Arão


Leitores antigos de colunas de rádio na imprensa do Ceará devem lembrar de duas delas que se tornaram famosas. Uma, escrita por Selma Lobo, uma senhora que morava no Jardim América e que fez muito sucesso nos Diários Associados, escrevendo sobre bastidores do rádio e tv. A outra, a do Aramis Arão, que era seu concorrente nas páginas de O Povo. Interessantes, as colunas falavam sobre os programas, seus personagens que circulavam pelas ondas do rádio, o sucesso de cantores - Ayla Maria tinha citação constante. 


Hoje, ao rever no Facebook do "Rádio e TV no CE" a foto de Augusto Borges, empunhando uma faixa de 'melhor animador', recordei-me desse tempo. Augusto ainda apresenta na TV Ceará, o seu programa "Ontem, Hoje e Amanhã", título que evoca um filme de Marcello Mastroianni, nos anos 60. 

Semana passada encontrei Augusto nos corredores da emissora do governo. Ele pareceu-me bem, apesar dos mais de 80 anos que já detém. Curioso: na carteira de trabalho de Borges, até pouco tempo, só havia um registro contratual - o do grupo dos Diários Associados. 

TWITTER. Antonio Fagundes recita versos de Bráulio Bessa

O poeta cearense Bráulio Bessa, que tem se tornado famoso via programa da Fátima Bernardes, se felicita hoje no Twitter com a postagem do ator Antonio Fagundes recitando um poema seu. Nada mais justo. 

VÍDEO. Imagem incrível de um pouso bomba nas redes


NOMES. Morre o radialista e ex-vereador Tadeu Nascimento

Notícia confirmada pela jornalista Daniela de Lavor dá conta da morte do radialista Tadeu Nascimento. Ele estava internado desde o ano passado no Instituto José Frota, vítima de um acidente automobilístico, provocado por conta de um AVC que sofreu enquanto dirigia. 

Tadeu Nascimento trabalhou em vários prefixos de rádio até se identificar como o primeiro apresentador do Barra Pesada, da TV Jangadeiro. Eleito vereador, ele abandonou as atividades do rádio e se dedicou a vida legislativa. Sem conseguir reeleição, retornou ao batente num programa na Rádio Verdes Mares. 

domingo, 16 de fevereiro de 2020

CHARGE DO DIA. E olha o que o coronavírus vai causar


MARKETING. Chamariz de consumo exige boa criatividade

O bom uso de marketing se conhece pela agilidade com que se aproveita o que é assunto e o transforma em peças publicitárias atraentes. Um exemplo é o da Livraria Belle Époque. no Rio de Janeiro. Aproveitando a discussão sobre apreensão de livros lá em Rondônia, o livreiro do Méier colocou avisos para chamar atenção dos consumidores de que Machado de Assis era o prato do dia. Boa jogada.  


EXPRESSÃO. Em ano eleitoral tudo é possível se ver e ouvir

Em campanhas eleitorais surge de tudo e os candidatos, também, se vêem na mira do inesperado. Como nesse palanque onde Bumberg estava discursando e colocaram essa inscrição dizendo "Eu acho que o pequeno Blumberg está em uma estrada rochosa. Ele pode lidar com isso?". A rapidez com que a segurança age, é exemplo de eficácia de trabalho. 

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2020

NOTAS SOLTAS

1. Evandro Nogueira, que era da Verdes Mares, faz estréia na Ceará Rádio Clube. O programa vai se chamar 'Clube Cidadania'. 

2. Vou estar no 'Reconecte-se', um semanal da TV-C falando sobre 'Espiritualidade'. Vai ao ar aos domingos. 

3. Informação de que Rogério Gomes não mais pertenceria ao grupo Cidade parece ter fundo de verdade. 



DISCO. Meninos da capa de 'Clube da Esquina' vão à Justiça


Eu sempre pensei que os dois meninos da capa do "Clube da Esquina" de Milton Nascimento, fossem e Lô Borges. Que nada! São Antônio Carlos Rosa de Oliveira —o Cacau—, e José Antônio Rimes —o Tonho—, dupla que passou quatro décadas sem saber que estava numa das capas de disco mais icônicas do país. Pois, eles cresceram. E resolveram entrar na Justiça cobrando direitos de uso indevido da imagem. O processo rola desde 2012. Eles pedem R$ 500 mil de indenização por danos morais.  

CHARGE DO DIA. Quem é bom já nasce Clayton (O Povo)


quinta-feira, 13 de fevereiro de 2020

HUMOR. em vaga em teste de piadas para novatos também


Que o Ceará é a terra do humor, isso é tão evidente e velho quanto o jeito de andar pra frente. E no Estado de Chico Anysio, Tom Cavalcante, Renato Aragão, Rossiclea, Paulo Diógenes e outros mil e tantos humoristas, ainda tem espaço para teste de piadas. Nomes conhecidos como LC Galetto e Jarderson Cavalcante estão na relação desse elenco rotativo que aceita inscrições de gente nova também. Quem se cadastra?

JORNAIS. O grafismo de O Povo elogiado por Eduardo Tessler

Um impresso que encanta pela arte


O Povo (Fortaleza, CE) é um jornal que pode ter inúmeros problemas em organização ou priorização de pautas, mas em um ponto trata-se do melhor do Brasil de longe: o grafismo.

Que outro impresso daria a manchete alinhada na direita, permitindo um enorme branco na área mais nobre da capa?

E os cortes ousados e surpreendentes na coluna Carnaval, à direita?

Absolutamente genial. Dá gosto comprar um exemplar. Para isso serve o impresso.

FUTEBOL. Bráulio Bessa vai a Buenos Aires com o Fortaleza

O jogo do Fortaleza, hoje pela Sul Americana, mobilizou uma multidão de torcedores em direção à Buenos Aires. Entre os fãs do tricolor, o poeta Bráulio Bessa não deixou por menos: embarcou e só levou na bagagem camisetas do seu time de coração.


quarta-feira, 12 de fevereiro de 2020

MÍDIA Site divulga um projeto que ninguém mais ouviu falar

Você acredita na possibilidade de o Brasil entrar na corrida espacial e, daqui há quatro anos, o próximo lançamento para a Lua ser feito de uma base espacial aqui do País? Essa informação foi pregada há alguns meses pelo site Mídia Interessante e deixou muita gente impressionada. Porque, na verdade, desde que o assunto foi ventilado, não mais se ouviu falar dele, ainda mais quando se sabe que é um tempo exíguo para a construção de estruturas a fim de atender ao projeto. Olha a notícia como foi publicada: 


A probabilidade é pequena mas não é descartada. Após o Senado brasileiro aprovar o acordo entre Brasil e EUA para uso da base de Alcântara por 20 anos. Vale lembrar que o Centro de Lançamento de Alcântara (CLA) é situado na latitude 2°18’ Sul da Linha do Equador, no estado brasileiro do Maranhão, no qual essa localização privilegiada corresponde a uma rotação de 1.660 km/h.
Agora… Imagine você sentado em um palanque, comendo pipoca e filmando a ida da primeira mulher a Lua? Sim, mulher! E detalhe no Brasil! Parece coisa de filme. É difícil mas não impossível. A NASA não pronunciou nada a respeito, até mesmo porque eles recentemente lançaram a lista de parceiros para o projeto “Moon to Mars” (link), a prioridade é Miami no Cabo Canaveral, porém tudo vai depender dos custos. A base fica no Centro Espacial John F. Kennedy (KSC) é o porto espacial de lançamento de veículos espaciais da NASA localizado no Cabo Canaveral, na Ilha Merritt, nos Estados Unidos, o local se localiza entre Miami e Jacksonville, foi de lá que saiu o Apollo XI.Inclusive, é mais fácil ver a NASA utilizando a base brasileira para a segunda ida do homem a lua em 2024 do que o sonho de muitos brasileiros de ver a SPACE X por exemplo no BRF ou no Facon Heavy indo para Marte de Alcântara. Mas é importante ressaltar que a segunda opção não é nada impossível também. E até mesmo visionários bilionários como o homem mais rico do mundo, o Jeff Bezos da Blue Origin já gostaram da ideia e ficaram de olho no Brasil.

segunda-feira, 10 de fevereiro de 2020

MEMÓRIA. A mensagem da indústria de entretenimento



Lembra quando...


... O rádio ia destruir a indústria da Música?
... A televisão ia ser o fim do Cinema?
... As fitas cassetes matariam a Música?
... O vídeo seria a morte de Hollywood?
Pois em 2010 era anunciado o novo fantasma que vinha acabar com a TV... a Internet!

RÁDIO. Globo paulista muda de frequência AM para FM

À meia noite de ontem foi encerrado em definitivo as transmissões da Rádio Globo AM 1100 de São Paulo e a emissora AM mudou sua frequência para 94.1 FM. 



Com o encerramento, o Sistema Globo de Rádio deixa de operar em definitivo no dial AM. Em setembro de 2018, o grupo encerrou as operações das rádios CBN AM 780 de São Paulo, Rádio Globo AM 1220 do Rio de Janeiro, CBN AM 860 do Rio de Janeiro e CBN AM 1150 de Belo Horizonte.

Mesmo com o encerramento da AM, o Sistema Globo Rádio continua operando na capital paulista pela Rádio Globo FM 94.1 e pela CBN FM 90.5 de São Paulo. No Rio de Janeiro, o grupo opera com a Rádio Globo FM 98.1 e CBN FM 92.5.

FONTE: TUDORÁDIO 

VÍDEO. Luiz Megale tem o carro levado pela enxurrada em SP

E o aguaceiro que desabou hoje em São Paulo, causando um verdadeiro caos na cidade, fez do radialista Luiz Megale (Band News SP) um personagem entre as vítimas da chuvarada. Ele não conseguiu chegar ao local de trabalho e até mesmo teve o carro levado pelas águas. Sem condições de chegar à TV, Megale gravou um vídeo mostrando a situação que viveu ainda pela madrugada. 



O CAOS PARA QUEM FAZ JORNALISMO




Mesmo desfalcado devido aos alagamentos que tomam conta de parte da Grande São Paulo, o telejornalismo da Band não para desde às 5h desta segunda-feira, 10. Com repórteres nas ruas — ou em barco — e âncoras apostos nos estúdios, a emissora decidiu derrubar a sua programação normal para a região. Estratégia adotada para valorizar a prestação de serviços e divulgar informações sobre a chuva.

TV. Leitores explicam ao editor do blog o "ridículo" do título

Que bom que a gente tem leitores bem informados. Não fosse assim e eu estaria patinando para entender o "ridículo" da manchete de contratação do novo narrador da Globo.Leia nos comentários as explicações dos internautas.



RÁDIO/TV. E o 'Futebolês' vai para cobertura internacional

O Sistema Jangadeiro de Rádio e TV tem feito um grande investimento para estruturar sua equipe esportiva entre as melhores do Nordeste. E os recursos humanos têm confirmado isso na prática. Agora é a vez da equipe internacionalizar sua cobertura.  

Jussiê Cunha, o coordenador, anda pisando nas nuvens, com a ida da equipe do Futebolês para cobertura do jogo do Fortaleza com o Independiente, pela Sulamericana. 

O jogo vai ser nessa quarta feira, diretamente de Avellaneda, onde a equipe faz a sua "primeira cobertura internacional". 


TV. Mulher aplicava golpe usando nome de gente da tv do CE

Profissionais da tv cearense, como Walney Haidar (TV Diário), Niara Meireles (Verdes Mares) e Gaída Dias (TV Cidade) acabaram vítimas de um golpe aplicado por uma mulher que usava seus nomes para conseguir cortesias de eventos em Fortaleza. Em seu Twitter, Niara lamentu que seu nome tenha sido usado por Flávia Marabá Leal, que chegou a ser presa pela Polícia, no fim de semana que passou. 





sexta-feira, 7 de fevereiro de 2020

RUMOR. Livros que podem ser censurados nos dias de hoje



Pelo que se viu em Rondônia – o governo censurando mais de 40 livros por conter ‘viés ideológico’, entre os quais “Os Sertões” de Euclides da Cunha, “Macunaíma” de Mário de Andrade e até Machado de Assis – dá pra se prever a loucura estabelecida na área da Cultura. E eis outros títulos que, provavelmente, os censores devem estar de olho (mesmo sem ter lido nenhum deles) e que podem ser recolhidos das bibliotecas e livrarias, caso alguém os denuncie. Em seguida a justificativa para a censura.

Tarzan – de Edgar Rice Bourroghs – por mostrar um personagem que impede que o agronegócio se desenvolva na floresta.Alice no País das Maravilhas – de Lewis Carrol – por conta da menina que vive se lombrando e vendo coisas que não existe.
Os Lusíadas – de Camões – porque na capa do livro tem PT, que embora se refira ao País de origem do autor, na verdade, é mais um seguidor do Lula livre.
E Isso é Homem! - de Primo Levi - é uma biografia não autorizada de um dos filhos do nosso capitão...
Em busca do Tempo Perdido – de Marcel Proust – por instigar o povo a procurar o passado quando o PT governava o País.
O Estrangeiro – de Albert Camus – por ser uma biografia do Greenwald. Ensaio sobre a Cegueira – de José Saramago
 – segundo os censores, por reportar-se aos eleitores de Bolsonaro. 
Terra Sonâmbula – de Mia Couto – por descrever de forma deformada nossa Pátria Armada, Brasil.
Memória de Minhas Putas Tristes – de Gabriel Garcia Marquez – que se não bastasse o título, ele é admirador de Cuba de Fidel.   
Sobre os Ossos dos Mortos  -= de Olga Tokarczuk- porque, segundo "el capitán", não existiu tortura em 1964.   
A Revolução dos Bichos – de George Orwell – Na verdade, essa é um forma de querer enganar a censura do ano 2020. O autor queria dizer era das bichas. 
Iracema – de José de Alencar – que mostra uma índia se engravidando com o “guerreiro branco” e tendo um filho Moacir, em desrespeito à campanha da ministra Damares para que todo jovem faça abstinência sexual.  
A Sutil Arte de Ligar o Foda-se – Mark Manson – Tá na cara que é um livro contra o mito.

TV. Comentário de Bocardi é visto como declaração racista

Os profissionais da Globo continuam rendendo memes nas redes sociais. Não bastasse a pressão sobre Regina Duarte, por assumir sua postura conservadora na secretaria da Cultura; de Pedro Bial, fazendo um comentário sobre o filme que concorre o Oscar no domingo, agora foi a vez de Rodrigo Bocardi ser pego para cristo. Um comentário dele sobre um jovem negro que apareceu indo ao Clube Pinheiros foi tomado como manifestação racista - Bocardi o confundiu como um dos apanhadores de bolinhas do clube onde ele frequenta, sendo corrigido pelo jovem como um atleta do clube. 

Eu printei uma das muitas citações postadas no Twitter sobre o fato:

JORNAIS. Um mesmo fato e duas versões sobre o aeroporto



A GRAFIA DA IMAGEM. A arte de quem olha a poesia das ruas

A foto é do jornal O Povo. Edição de hoje. Não tenho a assinatura.  O texto sobre "Ceará alcança 50% do volume de chuvas previsto para fevereiro" é de Ana Rute Ramires. A imagem reflete o olhar poético de quem fotografa a cidade e o faz de maneira talentosa, relacionando-a ao fato. Maravilhoso flagrante. 


quinta-feira, 6 de fevereiro de 2020

CINQUENTENÁRIO. Um dos primeiros anúncios do canal 10


JUSTIÇA. O Twitter deleta o perfil falso de Leal Mota Filho

Que bom que o Twitter acolheu a denúncia do Leal Mota Filho e já deletou o perfil falso que estava sendo publicado com a assinatura do âncora do Bom Dia, Ceará. Nesse caso, também, um ponto para o 'Mídia Cearense' que contribuiu para denunciar o fato. 


TV. Wellington Muniz e Lucas Veloso assinam com a Record

Sem função na Globo, os humoristas Ceará (Wellington Muniz) e Lucas Veloso foram contratados pela Record para reforçar o Domingo Show, novo programa de Sabrina Sato, com quem Ceará trabalhou por longo período nos tempos do Pânico na TV, ainda na RedeTV!. 

A atração, que chega à tela no dia 8 de março, já tem uma série de quadros externos gravados e brinca com toda a espontaneidade da “Japa”, como anunciam as chamadas que já circulam na tela da emissora e entre o mercado publicitário. Dona Kika, mãe de Sabrina, também entrará em cena e já vem se testando na função. 

AGORA/SP

NOMES. Kirk Douglas, a última lenda da Hollywood de ouro



Kirk Douglas, filho de um trapaceiro que canalizou uma raiva profunda e pessoal através de uma mandíbula cinzelada e olhos azuis de aço para forjar uma das carreiras mais indeléveis e incansáveis ​​da história de Hollywood, morreu quarta-feira em Los Angeles. Ele tinha 103 anos. 



Olha o que publica hoje o site 'Holywood Reporter':  "É com uma tremenda tristeza que eu e meus irmãos anunciamos que Kirk Douglas nos deixou hoje aos 103 anos", escreveu o filho Michael Douglas em sua conta no Instagram. "Para o mundo, ele era uma lenda, um ator da Era de Ouro dos filmes que viveu seus anos dourados, um humanitário cujo compromisso com a justiça e as causas em que ele acreditava estabeleceu um padrão para todos nós aspirarmos". 

Douglas se afastou de um acidente de helicóptero em 1991 e sofreu um acidente vascular cerebral grave em 1996, mas, sempre lutador, recusou-se a ceder. Com uma vontade apaixonada de sobreviver, ele foi o último homem de todas as grandes estrelas de outra época.  
Nomeado três vezes para melhor ator pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas - por Champion (1949), The Bad and the Beautiful (1952) e Lust for Life (1956) - Douglas recebeu um Oscar honorário em 1996. Indiscutivelmente a principal estrela masculina da era pós-Segunda Guerra Mundial, ele atuou em mais de 80 filmes antes de se aposentar em 2004.



quarta-feira, 5 de fevereiro de 2020

TEVÊ. As tardes televisivas e a briga para segurar público

A briga pela audiência na TV, no período vespertino, é quase toda ela marcada pelos programas de entretenimento, onde vale tudo: fofocas, vidas de artistas, muvucas provocadas por gente famosa, notícia de quem casou e se descasou, além de variedades sobre a programação das novelas. A Globo faz isso no "Se Joga" que anda relaxando em audiência contra concorrentes. Hoje, por exemplo, recorreu a Dani Calabreza, para disputar público, num programa que ainda não aconteceu nos padrões de audiência da emissora. 

A TV Cidade, retransmissora da Record, se apoia no "Comando Geral" cearense, onde se fala de tudo, inclusive, notícias 'gossips' acerca de gente (dita) famosa. Uma dupla de mulheres tenta segurar a peteca (é o novo!), no quadro 'A Hora da Venenosa', numa estratégia de assimilar o que fazem Sônia Abrão e cia. 




E a TV Diário, que conheceu dias melhores em termos de programação local, retomou o "Tarde Livre", com uma equipe que assimilou, mais ou menos, o propósito do "Fofocalizando" da Jangadeiro, via SBT e, também, o programa da Rede-TV com a Sônia Abraão. 




INTERNET. Leal Mota Filho alerta sobre o perfil falso


terça-feira, 4 de fevereiro de 2020

REDES SOCIAIS. Conta falsa usa o nome de Leal Mota Filho

Um twitter usando o nome do apresentador Leal Mota Filho, da TV Verdes Mares, está sendo denunciado hoje pelo perfil Mídia Cearense como falso. 

Nele, se propaga um tipo de postagem que, além de indisponibilizar o jornalista, busca "propagar ódio" na opinião do internauta que se assina como Sailor Cansada (Naina Braga) e chega a abusar de uma linguagem chula, homofóbica e nada condizente com o perfil que se conhece do apresentador do Bom Dia, Ceará. Tentei contato com ele, mas não tive resposta.  






REVISTA. E ai, os números da Cruzeiro já foram digitalizados?

No próximo mês de abril completa cinco anos que a Biblioteca Nacional fechou acordo com os Diários Associados para a publicação na Hemeroteca Digital de toda a coleção do grupo, inclusive as edições da revista O Cruzeiro. Será que esse trabalho já chegou ao fim?

O Cruzeiro, foi lançada em 10 de dezembro de 1928 e circulou até 1975, sendo vendida não apenas no País, mas em Buenos Aires e Montividéu. 

Além da revista, seriam incorporadas as publicações como o Jornal do Comércio, Correio Braziliense, A Noite, O Jornal, além de informaçoes sobre os 36.631 discos de 7, 10 e 12 polegtadas do acervo da Rádio Tupi. 

MERCHÃ. O que é 'comercial' na sua novela preferida

Quem assiste novela e se depara com personagens consumindo produtos onde aparecem embalagens quase em primeiro plano, pode até nem perceber mas estão diante de promoções comerciais. São os chamados 'merchãs' (de merchandising) incluídos na trama dos folhetins e dos quais as emissoras de TV recebem um bem alentado cachê. 


O mais recente contrato é da novela "Amor de Mãe", onde a marca de sucsos Del Valle entra na trama da novela das 21 da Globo.


Na trama, a marca aparece como patrocinadora do Espaço Mundo Mãe, administrado pela personagem Natália (interpretada pela atriz Clarissa Kiste). O local serve como uma rede de apoio para auxiliar gestantes e mães a conciliarem a vida profissional e pessoal com a criação dos filhos.
Antes disso, no capítulo do dia 22 de janeiro, o público assistiu a um comercial dentro do capítulo da novela.
Regina Casé, digo o personagem Lurdes, assistia a estreia de Ryan (personagem de Thiago Martins) em um comercial de TV. Nesse momento, a vinheta do intervalo entrará no ar e, na sequência, virá o comercial da operadora, em que Ryan/Thiago divulga as ofertas do Tim Chip Top.

Citações entre aspas do Meio&Mensagem 

DANÇA DAS CADEIRAS. Alana Araújo recebe o bilhete azul


TEVÊ. Diário promove mudanças na sua programação

Um novo programa na grade de programação da TV Diário, o de divulgação de vídeos com selo da FM 93 marcou a segunda feira. 



REVISTA. Claudia Raia é capa de revista portuguesa

Claudia Raia é a estrela da edição de fevereiro da revista portuguesa GQ e atriz decidiu ousar na capa da publicação ao aparecer completamente nua. Ela cobre os seios e as partes íntimas com as mãos e ainda está em cima de uma mesa com o marido Jarbas Homem de Mello na ponta.