sexta-feira, 8 de setembro de 2017

No NE profissionais de agências sofrem assédio no trabalho

 


Nos nove estados do Nordeste, 71% das profissionais de agências de publicidade já sofreram assédio no trabalho, enquanto 77,4% já tiveram que ignorar piadas machistas ou sexistas por medo de represálias. E mais: 48,4% das publicitárias evitaram denunciar o assédio com receio de perderem o emprego. 

Quem está à frente do assédio sofrido por estas profissionais em agências do Nordeste? Em 54% dos casos, os donos das agências; em 37,2%, os diretores de criação; em 32,7%, são colegas, e em 31,9%, clientes. 

Os números alarmantes são parte da campanha Esse Case é Foda, capitaneada pela agência paraibana TagZag, que inclui vídeos, cartazes e um hotsite que chamam a atenção para os casos de assédio vivenciados por profissionais do sexo feminino em agências de publicidade.

Nenhum comentário: