sábado, 18 de junho de 2016

JUSTIÇA. Skol é multada por uma propaganda machista


Esse comercial da Skol foi considerado machista. E a Justiça multou a empresa. Ela recorreu. Mas não deu certo. A multa foi mantid. Olha o que escreveu Mônica Bergamo: 

"A multa aplicada pelo Procon-SP à Skol por causa de uma propaganda considerada abusiva e machista foi mantida pelo TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo). A cerveja questiona o valor de R$ 305 mil da autuação pelo anúncio, exibido em 2006, e pede sua anulação ou redução. 

Na campanha "Musa do Verão", uma atriz de biquíni era clonada e depois entregue para vários homens. O Procon considerou que o comercial colocava a mulher em posição de "objeto de consumo". A Skol disse no processo não haver conteúdo discriminatório. No acórdão, os desembargadores do TJ-SP afirmam que "o argumento da peça publicitária é mais do que infeliz, pois 'coisifica' a mulher" e que "há discriminação do sexo feminino".

Nenhum comentário: