sábado, 19 de outubro de 2019

JORNAIS. Impressos destacam os heróis do caso Andréa



Os dois grandes impressos cearenses rendem hoje uma homenagem aos "heróis anônimos" (DN) que se utilizam da "esperança contra o tempo" (OP) na operação de resgate do edifício Andréa, desabado na última terça. 

CRÔNICA. Em meio à tragédia, a bonança pede passagem


Depois da tempestade, quem é que vem mesmo? A bonança. E ela acabou se materializando em meio a tragédia do edifício Andréa.
É parte da natureza humana de ser solidária em ocasiões assim. É quando conseguimos realmente nos unir.
Nessa hora, esquecemos as diferenças. A religião de todos é a da caridade. Disputas partidárias se desvanecem. Contendas de toda ordem se tornam secundárias.
Em meio a catástrofes assim, ninguém repara a cor da pele ou a raça de quem está ao seu lado, voluntariando-se a um trabalho produtivo.
Por isso, há quem diga que atrás dos desastres que eventualmente ocorrem, há sempre um fio de esperança a unir gestos de ajuda.
Não se pede a identidade da pessoa, nem a doutrina que ela professa. Somos um coletivo. É hora do dizer sim; do fazer acontecer; do ser solidário.
Afinal, o bem não pede carteira de identidade; não distingue cor, não torce por um time, nem reza em uma só cartilha. Abarca - e abraça - a todos. Em favor da Vida. E a vida pede. A vida exige.

sexta-feira, 18 de outubro de 2019

TEATRO. Mônica Martelli e o sucesso de Minha Vida em Marte


Dias 2 e 3 de novembro, chega à Fortaleza a comédia Minha Vida em Marte, de Mônica Martelli. A jornalista Rina Fontenele informa que os ingressos já estão à venda e podem ser adquiridos pela internet através do site uhuu.com ou na bilheteria do teatro. 




Com a sua peça, Mônica que já conquistou um público impressionante: são 200 mil espectadores desde sua estreia, em maio de 2017, no Rio de Janeiro. De lá para cá, a obra recebeu cinco indicações a prêmios e passou por diversas cidades, sempre com sessões esgotadas. Além disso, a peça inspirou o filme Minha Vida em Marte, que levou mais de 5 milhões de espectadores aos cinemas, o que a faz detentora da maior bilheteria nacional dos últimos anos.

JORNALISMO. Mara Cristina critica vaidade na cobertura


Ainda sobre a cobertura da tragédia do edifício Andréa. A discussão sobre o personalismo de quem se reporta a um fato e nele se coloca como figura de proa - e não o fato em si - tem gerado muitos comentários nas redes sociais. Agora é a jornalista e professora Mara Cristina que em postagem no Facebook foi contundente: 



LEITURAS. Deu no Mídia Mundo o fechamento de 3 jornais


O consultor Eduardo Tessler, em seu Mídia Mundo, lamenta mudanças em jornais impressos do Brasil. 


A crise do impresso chegou a Santa Catarina.

O maior grupo local, NSC (antiga RBS), anunciou hoje que a partir do dia 26 de outubro seus três jornais deixam de ser diários. Diário Catarinense (Florianópolis, SC), A Notícia (Joinville, SC) e Jornal de Santa Catarina (Blumenau, SC) se transformam em semanários, mantendo a operação digital.

Depois da Gazeta do Povo (Curitiba, PR) e de A Gazeta (Vitória, ES), agora mais um líder regional abandona o papel, movido pela baixa circulação e pela queda de anunciantes. E desta vez são três produtos locais - mais o popular Hora de Santa Catarina (Florianópolis, SC), que desaparece por completo no impresso, mantendo apenas sua página digital.

Até o fim do ano, possivelmente outras marcas seguirão o mesmo caminho no Brasil

quinta-feira, 17 de outubro de 2019

TEVÊ. Taís Lopes, na Globo, ouve as orientações de Bonner

´
O site do Diário do Nordeste publicou a primeira imagem de Taís Lopes, ao lado do colega Thiago Rogeh, do Tocantins. Os dois acompanham orientações de William Bonner para a apresentação de sábado no Jornal Nacional. 


MÚSICA As 30 gravações mais populares de todos os tempos


Se você alguma vez se interrogou quais são as músicas mais populares de todos os tempos, o blog relacionou as 30 classificadas em longevidade, popularidade duradora, impacto social e em termos de maior arrecadação de direitos autorais (do ponto de vista norte-americano). 

1. In The Mood - Glenn Miller - 1939
  2. White Christmas - Bing Crosby - 1942
  3. God Bless America - Kate Smith - 1939
  4. Johnny B. Goode - Chuck Berry - 1958
  5. Respect - Aretha Franklin - 1967
  6. Over The Rainbow - Judy Garland - 1939
  7. Louie Louie - Kingsmen - 1963
  8. Yesterday - Beatles - 1965
  9. I Heard It Through The Grapevine - Marvin Gaye - 1968
10. (I Can't Get No) Satisfaction - Rolling Stones - 1965
11. Rock Around The Clock - Bill Haley & His Comets - 1954
12. Jailhouse Rock - Elvis Presley - 1957
13. The Christmas Song - Nat "King" Cole - 1946
14. I Will Survive - Gloria Gaynor - 1978
15. My Way - Frank Sinatra - 1969
16. God Bless The Child - Billie Holiday - 1941
17. Hound Dog - Elvis Presley - 1956
18. Like A Rolling Stone - Bob Dylan - 1965
19. Your Cheatin' Heart - Hank Williams - 1953
20. Sing, Sing, Sing (With A Swing) [Live at Carnegie Hall] - Benny Goodman - 1938
21. Good Vibrations - Beach Boys - 1966
22. My Girl - Temptations - 1964
23. Mack The Knife - Bobby Darin - 1959
24. Billie Jean - Michael Jackson - 1982
25. Stairway to Heaven - Led Zeppelin - 1971
26. Hey Jude - Beatles - 1968
27. You've Lost That Lovin' Feeling - Righteous Brothers - 1964
28. Celebration - Kool & The Gang - 1980
29. Swanee - Al Jolson - 1920
30. West End Blues - Louis Armstrong - 1928

JORNALISMO. Diego Lage analisa o lado egóico da profissão


Além de Jussie Cunha, que fez crítica à postura de jornalistas que, na cobertura da tragédia com o edifício Andréa, se colocam como se fossem mais importantes que a notícia, o jornalista Diego Lage (Tribuna Band News) lembrou uma citação do inesquecível Joel Silveira sobre essa postura egóica.


RÁDIO. Elogio do Simão ao Farias ou o milagre de Irmã Dulce


O primeiro milagre da Irmã Dulce depois da canonização foi alcançado via rádio. Pelo menos é o que se traduz do caso ocorrido com o radialista Gomes Farias. Até o Simão o elogiou: "Esse narrador deixa o Galvão Bueno no chinelo". 

Aconteceu no mesmo domingo em que a freira baiana foi elevada aos altares no Vaticano. Farias, da Cidade-Jovem Pan de Fortaleza, narrava o jogo entre Ceará e Avaí e, faltando um minuto para acabar a partida, evocou o nome da santa para que ela ajudasse no placar do time dele. Acreditem: mal fechou a boca, o gol aconteceu. Duvida? Pois escute. 



O grito de gol de Gomes Farias foi além das ondas do rádio. Bombou nas redes sociais. Foi mais: o irreverente José Simão, em sua coluna diária da (Tribuna) Band News alardeou o milagre do narrador que, segundo ele, deixa o global Bueno no chinelo. 

Vai comendo, Galvão!

JORNAIS. Consultor compara a cobertura dos cearenses


O reconhecimento é do consultor de mídia Eduardo Tessler. Ele comparou a cobertura dos dois mais importantes jornais de Fortaleza.


REDES SOCIAIS. Empresa faz marketing em meio à tragédia


Publicitário Ricardo Alcântara critica empresa de condomínio que se aproveita da imagem de dor do desabamento do prédio em Fortaleza, para fazer campanha publicitária. 

MARKETING SUICIDA. Em cima da tragédia, Inova Engenharia tenta vender seu peixe. Show de incompetência, ética zero.


GENTE. Postagem de Jussie Cunha repercute no Reino Unido


O carão do jornalista Jussie Cunha, sobre a postagem de colegas nas redes sociais, mostrando suas atuações em rede nacional na cobertura da tragédia do Andréa, bateu forte lá na Irlanda onde reside atualmente o Alan (Lima) Higgins, também jornalista, que cita de forma bem humorada a síndrome egóica de alguns profissionais. 


quarta-feira, 16 de outubro de 2019

JORNAIS. O Extra ganha citação de melhor primeira página


SHOW. Jazz em Cena mostra força da mulher na Música



Num País onde ainda há quem discuta a presença da mulher em setores da vida, o projeto Jazz em Cena, de certa forma, vem contribuir para discordar desse tipo de opinião retrógrada e mostrar que o empoderamento feminino é uma realidade também, também, na Música. Vai acontecer sábado, dia 19, no Centro Cultural Banco do Nordeste, com a apresentação de um quinteto, no show "Elas, o Brasil e o Jazz". 

Para quem leu em postagem anterior, aqui no GENTE DE MÍDIA, declarações discriminatórias feitas em um programa de rádio de Fortaleza de que "mulher é pra cuidar da casa, do esposo e dos filhos", o quinteto formado Lu Basile (piano, direção musical e voz), Roberta Fiúza (voz), Bárbara Sena (violão, guitarra e voz), Mirele Alencar (contrabaixo e voz) e Ayla Lemos (bateria e voz) mostra como esse tipo de pensamento está defasado, ao mesmo tempo em que responde à altura esse tipo de mentalidade.  




Elas [...] apresentam um show inédito, preparado especialmente para o público do Jazz em Cena, destacando o repertório do disco "Aquarius", lançado em 2012 por Joyce e João Donato. O show contará ainda com participação especial da flautista convidada Lea Duez.

O espetáculo também terá canções de outras compositoras e intérpretes femininas brasileiras influenciadas pelo jazz. Um encontro inspirado pela força da música dessas grandes artistas, que tanto honram a música brasileira e com ela contribuem, ao mesmo tempo em que assimilam influências do jazz e levam para o mundo a forma brasileira de cantar, fazer arranjos, improvisar.

BLOG. O do Moreira publica mudança no Wálter Cantídio


Leitora me liga e me fala sobre nota postada no blog do Roberto Moreira, sobre declaração do reitor da UFC em relação à hospital universitário. 

"Cândido Albuquerque vai fechar o hospital Walter Cantídio e em seu lugar vai surgir o hospital Dr. Paulo Marcelo Martins Rodrigues". Eu indago o que tem demais a nota e ela responde: "é fake". Vamos investigar. 


RÁDIO. A declaração de Campelo contra mulher no futebol


Alguns leitores reclamaram que não tiveram acesso à 'live' citada no GENTE DE MÍDIA, na qual Daniel Campelo é alertado por Gomes Farias de que a declaração machista dele (de Daniel), sobre a presença de mulher na arbitragem do futebol, não repercutiu bem entre o público feminino. Campelo não demonstra arrependimento e sustenta ainda mais a sua posição.

"Mulher é pra tomar conta da casa, do marido e dos filhos", repetiu o comentarista, acentuando: "Quem num gostar que tire as calças e pise em cima". 


JORNAIS. Premiação internacional para jornais nordestinos


Li no Correio do Povo, que além do diário baiano, um outro jornal nordestino ganhou prêmio internacional. Este seria O Povo, do Nordeste. Alguém da redação da Aguanambi confirma isso?


JORNAIS. A tragédia do Andréa nas manchetes no mundo







MÚSICA. Guns n Roses chega a 1 bilhão de visualizações


O grupo norte-americano Guns n roses acaba de entrar para um seleto grupo com o clipe da faixa Sweet child o’ mine: o de mais de 1 bilhão de visualizações no YouTube. A faixa de 1987 é a primeira da década de 1980 a conseguir o feito. 


terça-feira, 15 de outubro de 2019

RÁDIO. Radialista da Pan criticado por comentário machista


Um comentário do radialista Daniel Campelo, sobre a presença da mulher na arbitragem de futebol, causou furor nas redes sociais. Muitos internautas condenaram a atitude do radialista, ao mesmo tempo em que Gomes Farias insistia para fazer valer a importância dela nos campos de futebol. O twiteiro Marcos Medina considerou lamentável o posicionamento do integrante da equipe esportiva da Jovem Pan-Cidade. 


FOTOGRAFIA. O antes e o depois de Marina Alcântara





Marina Alcântara deu uma repaginada na sua cabeleira. E se para alguns fãs o novo 'look' os surpreendeu na permuta de cabelos lisos por encaracolados, ela não perdeu nada da naturalidade que a distingue por suas intervenções na TV Verdes Mares e a forma espontânea de improiso nas matérias ao vivo

GENTE. Karine Alexandrino se diz vítima de "abuso moral"


A cantora e compositora cearense Karine Alexandrino denunciou hoje em postagens no Facebook, ser vítima de "abuso moral e até desumanidade", sem contudo entrar em maiores detalhes. 

Dizendo-se estar viva e plena de apoio dos fãs do seu trabalho, anuncia a volta às atividades em show que marcará os 25 anos de sua vida artística, na qual adotou a égide de "mulher tombada". A torcida nossa para que ela se reencontre com os seus melhores dias. 


Essa é uma tentativa de sorriso. Cansei mesmo de ser feita de idiota por pessoas próximas e que neste momento estão agindo com o máximo de abuso moral e até desumanidade. Sou um ser humano altruísta, sou uma cidadã “empata”, mas esse dia de hoje é o início do meu “CHEGA”. Só eu sei o que passei e o que lutei pra ser a pessoa que sou. A respeitar meus limites, a não ser antiética no meu trabalho. Não sou santa mas não prejudico ninguém. Estou distribuindo pelo Brasil minhas cópias dos meus álbuns a preços módicos mas que pra mim vale muito por poder lidar e testemunhar o carinho de vcs e mesmo o apoio financeiro. Não sou megalô e sei produzir dentro do mercado independente há mais de 25 anos. Comecei aos 16. Estou viva e plena pelo apoio dos fãs do meu trabalho e dos poucos amigos íntimos. O resto é só hostilidade. Tenho um show pra fazer dos meus 25 anos de carreira e nada vai me atrapalhar. Nem a mediocridade de quem pensa tudo saber com seus dedos sujos apontados pro meu rosto. Não preciso de tapa na cara. Sou delicada e basta um olhar. Vou organizar meu show em breve de Fortaleza e organizarei minha mini turnê de lançamento, concomitantemente ao lançamento do meu livrinho que chamo carinhosamente de zine-art feito em parceria com o amigo importantíssimo @regisamora que é artista visual e chega junto. Preciso do apoio de vcs para minha marcha de largada. Vou ligar o foda-se pra quem não percebe quem sou como ser humano e muito menos como artista. Avareza, hostilidade, inveja, projeção, desrespeito, abuso. Estou fora de tudo isso. Apenas observo. Vai dar certo. Já passou da hora do meu grito. Nenhum comensal vai destruir meu entusiasmo. To aqui é pra lutar e garantir minha parte cuidadosamente pensada, administrada, focada. Estou falando do meu ofício, apesar dos percalços e qualquer tipo de autossabotagem, resistirei aos ratos.

BLOG do Eliomar está proibido: para acessá-lo, só pagando


Muitos leitores indagando o porquê não conseguem mais acessar o blog (não falam da coluna), mas o blog do Eliomar de Lima. 



Simples: o Povo o incluiu entre os produtos de sua área exclusiva e que, para se ver, se faz necessário cadastro. Alguns consideram que a proibição deveria ser restrita à coluna Vertical que ele escreve no jornal; mas a direção do periódico conseguiu fazer com que a audiência do mais lido blogueiro do Ceará despencasse com essa atitude. 

VÍDEO. Porque cantores ficaram fora da transmissão da santa



Quem esperou acompanhar pela TV a apresentação do sanfoneiro Waldonys e da cantora baiana Margareth Menezes na canonização de Irmã Dulce, no último domingo, no Vaticano, ficou frustrado por não ter visto os artistas durante a transmissão ao vivo da cerimônia feita pelas redes de televisão que cobriram o evento. 

A falta de comunicação entre o cerimonial do Vaticano e a equipe das Obras Assistenciais de Irmã Dulce, responsável pela articulação dos detalhes da participação do Brasil na festa religiosa, acabou prejudicando os dois. 

Os dois se apresentaram, só que pouco antes do inicio da transmissão da festa, e ainda sem a presença do papa Francisco na Praça São Pedro, quando muitas das cadeiras ainda estavam vazias. 

Já ontem, segunda-feira, durante a primeira missa oficial em louvor a agora Santa Dulce dos Pobres, Margareth Menezes cantou ao lado do sanfoneiro Waldonys, na Basílica Sant'Andrea della Valle, em Roma. 

(Com informação da coluna de Ronaldo Jacobina)

segunda-feira, 14 de outubro de 2019

CANTORA com 6 milhões de seguidores tira a própria vida


Um suicídio, sempre se discutiu no interior das redações, pode muito bem puxar outros. Por isso, o relato de casos assim, nem sempre merecem citação da imprensa. Mas é preciso quebrar esse tabu, no intuito de informar que tirar a própria vida é algo que derroga a lei natural. E que não é saída para nenhum problema que se tenha no mundo. 

Tomo conhecimento nesta segunda feira da morte de Sulli, que integrava o grupo de k-pop F(x) na Coreia do Sul . Ela foi encontrada morta perto de Seul e a Polícia trabalha a possibilidade de que ela tenha tirado sua própria existência. 

Sulli, cujo nome verdadeiro é Choi Jin-ri, tinha 25 anos, fez parte da banda de 2009 até 2015, quando deixou a carreira para focar no trabalho de atriz. Ela era próxima do cantor Jonghyun, que cometeu suicídio em 2017, aos 27 anos.

CURIOSA. A verdade sobre sumiço do corpo de Fred Mercury


Tem leitor pedindo mais informações sobre a história do sumiço do corpo do cantor Fred Mercury. O fato está em reportagem do site "Aventuras na História" e qualquer pessoa pode acessá-lo clicando AQUI




JORNAIS. Canonização tem pouco espaço no A Tarde


Em sua página "Mídia Mundo", onde analisa o dia-a-dia do impresso brasileiro, o consultor Eduardo Tessler elogia jornais que atentaram para a manchete principal do dia - a canonização de irmã Dulce - e lamentou que a edição de "A Tarde" desse preferências a assuntos de menor soma, do que o evento realizado no Vaticano. Principalmente, por ser um jornal editado em Salvador, na terra da freira canonizada.  

A lenta agonia de A Tarde

O jornal A Tarde (Salvador, BA) está morrendo.

Depois da crise econômica, da queda de circulação, dos desacertos empresariais, agora o editorial do histórico diário baiano está dando sinais de cansaço. Pelo jeito não há mais como reverter o quadro. Chegar vivo ao final do ano terá sido um feito louvável.

A canonização de Irmã Dulce é destaque sem margens para dúvidas em vários jornais brasileiros hoje, como o Estado de Minas (Belo Horizonte, MG) e Jornal do Commércio (Recife, PE). Mas em A Tarde a manchete é outra. Irmã Dulce ocupa apenas o terço superior.

A nova santa é mineira? Pernambucana? Não, Irmã Dulce nasceu, viveu e morreu em Salvador, onde, aliás, está seu santuário. Mas A Tarde distribui a atenção com vários outros temas. Para o jornal soteropolitano, parece normal o que ocorria no Vaticano. O diário assume sua irrelevância e não oferece meios para recuperar o espaço perdido.

Triste fim para um marco no jornalismo brasileiro. Seus dias estão contados.


domingo, 13 de outubro de 2019

TV. Âncora da Fox deixa a emissora por causa do presidente


Âncora de sucesso largar a emissora e fazer o anúncio em pleno ar não é nenhuma novidade. Sexta feira foi a vez de Shepard Smith, principal âncora da emissora norte-americana Fox News. Há quem diga que a decisão se deva às críticas que ele tem efetuado ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Depois de 23 anos sendo a cara e a voz mais visíveis do jornalismo na Fox, Shepard aproveitou o final do programa "Shepard Smith Reporting", e disse que estava saindo, mas sua mensagem de despedida manifestou acentuou que " esperança de que "a verdade irá sempre importar".

ARQUIVO GENTE DE MÍDIA 

segunda-feira, 28 de novembro de 2011


Dois nomes da televisão, Shepard Smith e Amenhotep Rodrigues têm traços fisionômicos muito parecidos. Smith é o âncora do Studio B, da FoxNews. Amenhotep é o apresentador do Arena Hit, da TV Diário de Fortaleza, no Ceará.

CHARGES. Quem é bom, já nasce Clayton: Santa Dulce



INSTAGRAM. Cineasta do CE pinta Padre Ciço como Coringa


Pintar uma imagem do padre Cícero como o Coringa do Batman e postá-la no Instagram está rendendo até ameaças ao cineasta cearense Ravi Carvalho. Li no G1.


O personagem das histórias de quadrinhos, todos sabemos, é um vilão e para muitos conservadores fazer alusão dele a um santo nordestino é um sacrilégio.