terça-feira, 28 de agosto de 2012

FACEBOOK. Exemplo de bom uso do diário

.

Uma menina de 13 anos, em Florianópolis, é destaque hoje na imprensa brasileira. Ela criou o Diário de Classe, na página do Facebook, onde narra virtualmente os problemas de sua escola, na tentativa de solucioná-los. Pois ao invés de ser elogiada, por dar um exemplo de bom uso das redes sociais ao invés da chatice que a maioria dos usuários acaba transformando o FB, ela vem sofrendo represálias no colégio. Visão curta a de mestres e diretores dessa escola.


3 comentários:

Adriana Rodrigues disse...

O incrível disto tudo é que o Facebook foi criado dentro de uma universidade, Harvard, para os alunos se comunicarem... e depois se expandiu para outras universidades... para o mundo todo. Como uma menina (Isadora) com a visão de usar o facebook como instrumento de melhoria democrática pode ser tolhida disto? Culpa dos alunos, seguidores, docentes...? De quem? Certamente, não é da aluna que abriu a conta no facebook para debater os problemas de sua escola, certo? Visão curta não, acredito que seja a falta de visão de quem não vê que o facebook pode ser um bom instrumento para a resolução de problemas, de forma democrática, e não como o velho chavão: os alunos fingem que aprendem e o colégio finge que ensina. A vida parece ensinar que algo é maior que tudo isso. O colégio também tem muuito a aprender. Melhor começar de agora, se incluindo no mundo digital.
Só rindo mesmo, quando não ocorre o Bulling é a escola que oprime... Estamos em 2012.
Diário de Classe deve se estender e o colégio não pode influenciar na vida desta menina, pois está tolhendo a liberdade de expressão... Espero que você consiga o que deseja Isadora.
Boa sorte!! BJ

David disse...

http://www.youtube.com/watch?v=8eWzFlxjCpI

Anônimo disse...

Nonato uma jovem desta idade fazendo este tipo de trabalho que é sim cidadania tem a ver com os tipos de professores que teve e com a família da qual ela faz parte. Infelizmente temos grande parte dos professores alienados e famílias que se vendem por um cargo ou por uma pequena vantagem. Mas o mais importante é que tem quem denuncie as mazelas da educação sim e precisam de mais destaque pois infelizmente nossos meios de comunicação caminham ao sabor do tintilar das moedas da publicidade oficial e muitas vezes escondem o que realmente ocorre nas escolas públicas. Em Fortaleza é uma verdadeiro caos onde escolas são comandadas por déspotas que por serem ligados a vereadores promovem todo tipo de desgraça a professores e alunos. Sei que em algumas escolas os alunos são ameaçados de suspensão ao usarem redes sociais por que tem medo que eles se apropriem deste instrumento de cidadania capaz de fazer maravilhas em educação basta ser bem usado.
PROFDJACYR