domingo, 28 de julho de 2019

BOATO. De onde começou a estória da morte de Ziraldo?


O que se falou da morte do cartunista Ziraldo, ontem, foi coisa de louco. Noticiariam, lamentaram, relembraram a grande figura do cartunista brasileiro notável, pai do "menino maluquinho", mas que aos 86 anos continua "vivo, firme e forte". Ele próprio confirmou em sua conta no Instagram algumas horas depois de boatos que circulavam nas redes sociais. Aqui no Ceará, teve jornalista que replicou o boato. Houve quem vasculhasse o baú para desenterrar um antigo autógrafo dado durante passagem dele aqui em Fortaleza. Mas afinal, quem espalhou o boato? É a pergunta que mais se faz neste domingo. 

Nenhum comentário: