sexta-feira, 20 de março de 2015

PROFISSIONALISMO. Quem alia a isso, amabilidade na mídia


Simplicidade e respeito aos colegas. Esses parecem ser dois importantes ingredientes a auxiliarem a boa convivência em qualquer atividade. Nos veículos de comunicação isso também acontece, embora tenhamos aqueles que imaginam terem um rei na barriga. 

No Ceará são reconhecidos os que unem capacidade profissional e amabilidade. Uma Lianne Quezado, na produção jornalística da TV Verdes Mares é uma unanimidade. Um Adriano Muniz, na assessoria da Assessoria da Assembleia Legislativa, é querido por todos. A Gigi Borges, da comunicação da Coelce, tem que necessariamente estar na lista. Um Marcos André Borges há de figurar também. 

Ninguém dispensaria o nome de Eliomar de Lima, de O Povo - dificilmente, se viu ele tratando alguém de forma incômoda. Entre os mais novos, Letícia Lopes, da Povo-CBN. O trato respeitoso de um Flávio Paiva, do grupo Jota Macedo e de um Moacyr Luiz Dreyer. A bonomia de Cyro Thomaz, no Grupo Jangadeiro. 

Como a lista é extensa, resolvi provocar a participação de vocês, comentando em nossa página do GENTE DE MÍDIA quem merece esse reconhecimento por ser bom profissional e, melhor ainda, ser pessoa do bem na relação com os colegas. 

2 comentários:

César Augusto disse...

Maryllenne Freitas,Tom Barros,Rogerio Gomes e deixei por ultimo,NONATO ALBUQUERQUE!

Daniella de Lavôr disse...

Voce prórprio e a querida Malu Nogueira.