quarta-feira, 30 de maio de 2012

RÁDIO. Tem algo estranho no ar esportivo

.
Este não é um site de fofocas. Nem tampouco iria admitir tal ideia. Mas como dizia o Barão de Itararé, há algo de estranho no ar - das emissoras de rádio -, além dos aviões de carreira. Um microfone do horário esportivo acabou deixando escapar aos ouvintes algo que só os mais atentos podem ter percebido.  

Aqueles que acompanham as resenhas e noticiosos esportivos deram para sentir um certo ar de desabafo em relação a integrantes de certa equipe. Insistentes elogios ao trabalho de um dos integrantes do grupo, por parte do comandante da equipe, têm deixado o público meio cabreiro, já que o titular era a referência do grupo. 

E, pelo que estou informado, a coisa ganhou ainda maior vulto depois que o titular foi visto desviando caminho e deixando de falar com alguns dos membros da equipe, por se sentir desprestigiado em meio a equipe. 

Como quem não quer, querendo - vou investigar direitinho e contar tudo tim-tim  por tim-tim.