sábado, 18 de fevereiro de 2017

VIOLÊNCIA. Repórter assaltada durante transmissão ao vivo

Nesta sexta-feira (17), durante um programa ao vivo, a repórter da CBN São Paulo Larissa Calderari foi assaltada no Centro da capital paulista.
A jornalista teve o celular roubado enquanto o usava para ler o texto que dizia no ar. O local onde ocorreu o assalto fica na mesma rua da Secretaria de Segurança Pública.

Em nota, a Associação das Emissoras de Rádio e Televisão (ABert) condenou a ação sofrida pela profissional.

“A Abert repudia todo e qualquer tipo de violência contra o cidadão, em especial, jornalistas no exercício da profissão e pede às autoridades locais mais segurança para a imprensa e a apuração do ocorrido”, declarou a entidade.

(Notícia ao Minuto)

Nenhum comentário: