sábado, 17 de dezembro de 2016

JORNAIS. Jornalista é condenado à prisão por injúria

O jornalista Celso Nascimento, colunista do jornal paranaense "Gazeta do Povo", foi condenado à prisão por injúria e calúnia ter escrito uma coluna sobre o atraso na construção do metrô de Curitiba.

A sentença estabeleceu nove meses de detenção ao jornalista, mas, por ser menor que um ano, a pena foi substituída pelo pagamento de multa de R$ 8.800.

A ação foi movida pelo atual presidente do Tribunal de Contas do Paraná, Ivan Bonilha.
[...] Associações de imprensa declararam que a decisão é "um grave equívoco".

"A atual decisão judicial é um ataque à liberdade de expressão e ao livre exercício do jornalismo", afirmaram, em nota conjunta, a ANJ (Associação Nacional de Jornais), a Abert (Associação Brasileira das Emissoras de Rádio e Televisão) e a Aner (Associação Nacional dos Editores de Revistas).

Extraído da Folha de SP

Nenhum comentário: