sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

REVISTA. A Playboy pode deixar de ser editada em 2015


A crise financeira que atinge todo o mundo deve ter consequência direta na versão brasileira da publicação masculina mais conhecida do mundo, a ‘Playboy’. Na reunião de fim de ano da Editora Abril, foi colocado em pauta a “descontinuidade” de dois títulos masculinos, a ‘Men’s Health’ e a ‘Playboy’.
O retorno financeiro das duas publicações foi muito baixo em 2014 e, se não há dinheiro de publicidade, vendas e assinatura, não há por que continuar a publicação. A ‘Men’s Health’ vai chegar ao fim primeiro, provavelmente até julho de 2015. Já foi dada a ordem do cancelamento das assinaturas e das vendas nas plataformas virtuais.
Por conta da força da marca, o fim da ‘Playboy’ é considerado mais delicado. A revista completa 40 anos em 2015, e a intenção é que haja uma edição comemorativa da data, como um último número.
Há rumores internos de que a ‘Playboy’ americana possa intervir (leia-se injetar dinheiro) para impedir o fim da versão brasileira, afinal de contas o Brasil tem a terceira ‘Playboy’ mais antiga do mundo. O assunto vai ser tratado sob segredo na Editora Abril pelos próximos meses. Vamos acompanhar.
(Informação de Léo Dias)

Um comentário:

Pedro disse...

A Playboy é revista de ficção em que as "mulheres" têm pele de porcelana, corpo de Barbie, seios postiços, abdome de faminta e pernas de avestruz.