terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

JORNAIS. A capa de O Povo sobre a demissão de ministro




Estou tentando analisar aqui a cor preta da capa de O Povo, desta terça feira, referindo-se à demissão do ministro Bebiano. 

Terá sido para enlutar-se com a demissão dele? Ou para enterrá-lo de vez, já que a foto deixa a impressão de que ele está morto. 

Às vezes, usamos preto como sinal de luto. Estaria nossos companheiros lamentando o fato? Não acredito, pois imagino conhecer que, na redação da Aguanambi, há mais gente voltadas para luta do que desse tipo de luto.

Na verdade, vamos considerar outra opção: a crise continua. Então, o jornal quis dizer que "a coisa tá preta", o que, para alguns críticos mais acirrados, pode transparecer algo politicamente incorreto. 

Mas aí, mermão, é ser radical demais achando que tudo que se refira ao preto esteja ligado a preconceito, racismo. 

Qual é a sua opinião, leitor?


Um comentário:

Alexandra disse...

A capa é uma crítica ao governo Bolsonaro. A maioria, se não todas as matérias políticas do Povo são voltadas ao PT e à esquerda corrupta. Como quando o Ciro Gomes insultou uma mulher no hospital. Não deram um pio. Já quando o Bolsonaro teve uma discussão com a Rosário, foi chamado de misógino e outras 'pérolas'. Jornalzinho que é uma vergonha pro Ceará.