quinta-feira, 19 de julho de 2018

JORNAIS. Diário denuncia o uso do nome em "fake news"

O uso de "fake news" na mídia registrou hoje a denúncia do jornal Diário do Nordeste, desmentindo a versão de uma notícia divulgada no Facebook, usando o nome do jornal como fonte.

Às 15h25 da tarde desta quinta-feira, o jornal denunciou uma informação dando conta do uso ilegal do nome do periódico para noticiar nota acusando direção da Câmara de Aquiraz em um escândalo


"Uma montagem que circula na internet atribui ao Diário do Nordeste a publicação intitulada "Ministério Público recebeu denúncia contra presidente da Câmara de Aquiraz por imbrobidade administrativa". O conteúdo não pertence ao jornal e não foi publicado em suas edições impressa ou online. 
Diante do caso, o jornal analisará as medidas jurídicas cabíveis. A suposta notícia foi publicada em um perfil da rede social Facebook.
Procurada pela reportagem, a assessoria de comunicação do Ministério Público do Ceará confirmou que os promotores receberam um envelope com um texto relatando supostos ilícitos e extratos do Portal da Transparência da Câmara Municipal de Aquiraz sem qualquer assinatura, ou seja, uma denúncia anônima.
O MPCE ressaltou, ainda, que, apesar de se tratar de uma denúncia anônima, o secretário-executivo das Promotorias de Justiça da Comarca de Aquiraz, promotor Sebastião Cordeiro Moreira, vai iniciar averiguações perliminares da denúncia contra a Câmara Municipal de Aquiraz. Caso seja confirmado indícios de atos ilícitos, será aberto um procedimento administrativo.
Se ao longo da instrução forem identificados elementos que comprovem as denúncias, o Ministério Público adotará as medidas cabíveis.

Confira a nota na íntegra do Ministério Público:

A respeito de postagem publicada no perfil identificado como Ricardo Pedrosa, na plataforma Facebook, com suposta notícia veiculada pelo Jornal Diário do Nordeste com título: “Ministério Público recebeu denúncia contra presidente da Câmara de Aquiraz por improbidade administrativa”, a Assessoria de Imprensa do Ministério Público do Estado do Ceará esclarece que até o momento as Promotorias de Justiça de Aquiraz não receberam, formalmente, nenhuma denúncia referente ao caso citado. O MPCE confirma o recebimento de um envelope com um texto relatando supostos ilícitos e extratos do Portal da Transparência da Câmara Municipal de Aquiraz sem qualquer assinatura, ou seja, uma denúncia anônima. Apesar da denúncia não ter sido formalizada, o secretário-executivo das Promotorias de Justiça da Comarca de Aquiraz, promotor de Justiça Sebastião Cordeiro Moreira, informou que vai iniciar averiguações preliminares para um possível procedimento administrativo, caso haja indício de ilícitos. Se ao longo da instrução forem identificados elementos que comprovem as denúncias, o Ministério Público adotará as medidas cabíveis.

ORIGEM: http://diariodonordeste.verdesmares.com.br/cadernos/politica/online/diario-do-nordeste-nao-publicou-noticia-sobre-denuncia-contra-presidente-da-camara-de-aquiraz-1.1972166 

Nenhum comentário: