sexta-feira, 31 de março de 2017

NOVELA. Fim de "A lei do Amor" marcado por baixa audiência

Não teve jeito: "A Lei do Amor" chegará ao final hoje com a preocupação de ter sido um dos folhetins da Globo de pior audiência. 

Laís Oliveira, da coluna Zapping, reconhece "grandes desempenhos como o de Vera Holtz, mas (diz que a novela) não deixará saudades no que diz respeito à audiência".

Vai mais longe: "A trama deve se firmar como a segunda novela das nove menos assistida da história da Globo. Com média de 26,9 pontos, o folhetim supera apenas "Babilônia", de 2015, que teve 25,4 pontos de média geral. 

Apesar das tentativas de despiste com finais falsos distribuídos antes das gravações, "A Lei do Amor" terá desfechos previsíveis. Letícia (Isabella Santoni) ficará com Antônio (Pierre Baitelle). Camila Leitão (Bruna Hamú) reaparecerá gravida de sete meses de Robinson (Gabriel Chadan), que vira deputado. 

"Foi uma surpresa para mim voltar no último capítulo", conta Bruna Hamú, que deixou a novela ao descobrir que esperava um bebê. Depois de ser salva das garras de Magnólia (Holtz), Helô terá final feliz com Pedro (Reynaldo Gianecchini) após uma passagem de tempo de cinco anos. 

A última cena mostrará os dois velejando. Os vilões terão destino trágico. Mag se joga na frente de um trem e, ao ver a cena, Tião (José Mayer) terá um AVC e ficará em uma cama de hospital". 

Nenhum comentário: