sábado, 18 de fevereiro de 2017

JORNALISMO. Colunismo social lido com ajuda de "translate"



Antenor Ripardo de Oliveira, leitor do blog residente na Maraponga, nos envia recorte (preferi esse ao termo "print") para estranhar o excesso de expressões inglesas usadas por alguns colunistas sociais. Fosse vivo (no lado de cá), Monteiro Lobato diria que é típico dos países colonizados. "Para se ler esse pessoal tem que estar com um dicionário de lado" completa Antenor. 

Um comentário:

Newton Silva disse...

Não se fazem mais jornalistas como Nelson Rodrigues, que sabia escrever, conhecia o idioma e criticava o uso de expressões estrangeiras. Hoje tudo se escreve em inglês, como se o Brasil fosse anglo-saxão e não lusófono. Como exemplo cito a "Band News" que deveria ser Bandeirantes Notícias. Ficaria muito mais bonito e brasileiro. Os bandeirantes foram sertanistas e desbravadores que contribuíram, em grande parte, para a expansão territorial do Brasil. A palavra "band" não é nada.