domingo, 15 de novembro de 2015

DANÇA DAS CADEIRAS. Sidney Rezense é demitido da Globo


A semana do jornalismo profissional termina com a demissão do jornalista Sidney Rezende. Ele atuava na GloboNews, desde 1997. Na quinta-feira, um dia antes de ser demitido, Rezende havia escrito em sua página do Facebook uma denúncia relacionada ao tipo de jornalismo praticado hoje no País. 

“Uma trupe de jornalistas parece tão certa de que o impedimento da presidente Dilma Rousseff é o único caminho possível para a redenção nacional que se esquece do nosso dever principal, que é noticiar o fato, perseguir a verdade, ser fiel ao ocorrido e refletir sobre o real e não sobre o que pode vir a ser o nosso desejo interior. Essa turma tem suas neuroses loucas e querem nos enlouquecer também”.
“O Governo acumula trapalhadas e elas precisam ser noticiadas na dimensão precisa. Da mesma forma que os acertos também devem ser publicados. E não são. Eles são escondidos. Para nós, jornalistas, não nos cabe juízo de valor do que seria o certo no cumprimento do dever. 

2 comentários:

Benedito Ap. da Silva (Benê) disse...

É o que dá falar a verdade, estando numa Mídia podre que só pensa no próprio umbigo. O mesmo pode acontecer com o Cláudio, popular Caco Barcellos, que numa entrevista há meses à GloboNews, disse que atualmente jornalistas são notícias sem checar a veracidade.

Marcos Costa disse...

Dize-me onde trabalhas que eu te direi o que podes falar!