terça-feira, 3 de março de 2015

TV. O humorista Ceará conta porquê deixou o Pânico


A paternidade mudou mesmo a vida de Wellington Muniz, o Ceará.
O humorista, que deixou o "Pânico na Band" no ano passado após mais de 12 anos na atração, está se preparando para iniciar uma nova fase da carreira.
Ele terá um programa solo de stand-up comedy no Multishow.
Em entrevista a Danilo Gentili no "The Noite" (SBT), Ceará confessou que a paternidade lhe incentivou a buscar novos horizontes.
"Já estava precisando me renovar. Quando minha filha nasceu, tomei essa decisão. Ela me dá muita inspiração. Por causa dela, tomei a iniciativa de buscar uma carreira", confessou ele no talk-show.
"Gosto mesmo é de estar no palco, brincando, cantando", explicou.
Sobre o ex-colegas do 'Pânico', Ceará afirma não ter ingratidão nem inimizades. "O ego não pode ser maior do que o talento, senão ele te engole", filosofou.
Exímio imitador, Wellington terminou o programa aceitando um desafio proposto por Danilo: ele cantou junto com o Ultraje a Rigor imitando mais de 12 pessoas, dentre eles Chico Buarque, Tim Maia, Roberto Carlos e Bell Marques.
E claro, terminou fazendo sua icônica imitação do dono da emissora, Silvio Santos.

(Texto original da F5)

Nenhum comentário: