sexta-feira, 29 de agosto de 2014

ENTREVISTA. Ney aborda temas como sexo, AIDS e morte


Neste sábado, o cantor Ney Matogrosso, 73, é a atração do programa de entrevistas feito pelo jornalista Roberto D’Avila. Segundo rograma, segundo adiantou o colunista Thiago Forato, Ney fala do pai militar, que o fez sair de casa aos 17 anos, homossexualidade, dependência de sexo e drogas, risco de contaminação pelo HIV e morte.

Deixa eu citar o que diz o colunista: "O artista conta que sua orientação sexual foi o motivo de vários desentendimentos com o pai, que já correu atrás dele com o revólver. Já pediu desligamento do serviço militar, foi hippie, já produziu bolsas e cintos de couro para vender, se relacionou com gente que era portador de HIV, foi dependente de sexo, drogas. Um vasto currículo.

“Fui poupado (do vírus). Tive contato com o vírus, não apenas uma vez. Era maravilhoso viver dessa maneira. Mas perdi muitos amigos, cheguei ir ao cemitério três vezes em uma semana para enterrar grandes amigos”, conta.

O programa de Roberto D’Avila vai ao ar na madrugada de sábado para domingo, às 0h05, na Globo News.

Nenhum comentário: