quarta-feira, 31 de agosto de 2011

RÁDIO. As emissoras arquivam programas?


O leitor Flávio (que imagino seja o Lifferman) pergunta se "existe algum local (site ou blog) onde possa ser ouvido programas antigos de rádio (cearense)tipo; patrulha policial, secretario do povo, parada das maiorais dentre outros"?

Caro Flávio, o núcleo de pesquisas da AM DO POVO guardava até certo tempo esse material em fitas. Desconheço o paradeiro delas. No entanto, se você procurar o antigo coordenador de programação da FM Jangadeiro, de pré- nome Eriberto, é bem capaz de ele ter esse material arquivado.
FALANDO NISSO

¹. Flávio Lifferman escreveu: "Caro Nonato, fico agradecido por imaginar eu, Flavio Lifferman, mas não sou. Mas agradeço a dica, de onde pesquisar e deixo a sugestão aos historiadores, para organizar tais arquivos enquanto ha tempo, para não perdemos joias de nossa historia radiofônica, como; Wilson Machado, será que ainda existem gravações de belissima voz? Paulo Limaverde, Colombo Sá e outros que ainda marcam nossa rádio. Sou seu fã desde menino, ainda da Radio Povo na Aguanambi, quando você trabalhava a noite e se não mi falha a memória, era amigo de um vizinho meu muito gente boa, o Leão. Forte abraço, AMIGO"

². Outro leitor (não identificado) deu também uma dica: "Caro Nonato, Ronaldo Cesar da Radio Assembleia também colecionava material de algumas rádios. Nao sei se ainda possui.".

Por Flavio em RÁDIO. As emissoras arquivam programas? em 31/08/11

LEITURAS DE BLOGS: Exame de vista


Dudu Rangel é o autor

MARKETING. Tutty Vasques viu o comercial



MÍDIA. A brasileira faturou 12 bilhões


Fechados os números do Projeto Inter-Meios relativos ao primeiro semestre de 2011, o resultado mostra que a mídia brasileira faturou R$ 12,86 bilhões no período com a venda de espaços comerciais. O montante é 2,7% superior ao registrado nos seis primeiros meses de 2010, ano de Copa do Mundo, que sempre impulsiona os investimentos em comunicação. Esse valor não desconta a inflação.

O índice pode parecer modesto, mas é preciso observar que o primeiro semestre de 2010 foi excepcionalmente bom para o mercado publicitário que, na ocasião, obteve faturamento quase 30% acima do resultado do mesmo período de 2009. Diante disso, ampliar os valores por volta de 3% é considerado um desempenho positivo pelos veículos. E a aposta é que a tradição vai se confirmar, com o segundo semestre mais aquecido que o primeiro.

FONTE: TPA INTERNET

terça-feira, 30 de agosto de 2011

TV. Artistas pagam mico em comercial


O que leva artistas a pagarem mico em comerciais de TV? Grana, seria a resposta dada por você de bate-pronto. Depois que a gente viu o 'rei da lambada', Beto Barbosa, dançando de sunguinha e o Byafra espantando ladrões com sua voz, eis que aparece Ricardo Macchi, o pior ator de todos os tempos - ele fez o cigano Igor em "Explode Coração" (1995) e nunca mais conseguiu emprego - ao lado (via cromaquí) do astro norte-americano a rir de si mesmo.

No comercial do Fiat Cinquecento, o ator, que tem 1,90 m, aparece ao lado do astro norte-americano Dustin Hoffman, que mede apenas 1,65 m. O mote da campanha é provar que não precisa ser grande para ser um "atorzão", assim como em relação a carro 'tamanho não é documento'. 



O filme foi dirigido por Fernando Meirelles.

TV. Número 1046 elege explicações bizarras




E a estreia ontem da nova temporada de Malhação foi cercada de muita curiosidade. Tudo em torno da chamada comercial do seriado que se debruçou sobre um mistério que cerca o número 1046. Por conta disso, surgiram na Internet várias explicações para o significado do número. Algumas bizarras; outras, estapafúrdias. Clique nas imagens abaixo para ler os textos. 





segunda-feira, 29 de agosto de 2011

HUMOR. Gringo faz piada com tragédia


JORNALISMO. O que um estudante precisa


Journalism.co.uk perguntou via Twitter aos jornalistas que prestam assessoria dicas para estudantes de jornalismo.


1. Começar a fazer jornalismo através de blogs, podcasts, tweets e assim por diante.
2. Recolher o máximo de experiência possível, seja remunerada ou não.
3. Busca de contatos, contatos, contatos. Além de ter um livro, um bom celular, você pode entrar em contato com mais pessoas através de redes como o Twitter ou Facebook. Você também deve participar de discussões online e criar uma marca d'água digital na área que você está interessado em trabalhar.
4. Tudo gera questão. Sugerimos que você desenvolva suas habilidades de análise.
5. Versatilidade. Jornalismo é mais do que um bloco de notas e uma caneta. Hoje, devemos usar ferramentas como aplicações e 'smart phones'.
6. Começar um blog pessoal.
7. Treinamento de habilidades de pesquisa e organizações rede de contatos.
8. Tenteo publicar suas histórias na mídia quando as notícias de interesse são histórias públicas. As ideias originais e o modo como são tratadas valem o seu peso em ouro.
9. Construção de uma marca digital
10.Persistência é essencial para conseguir um emprego e também para fazer uma grande história.

LIÇÕES DE VIDA. O maratonista sem pernas



MÚSICA. O sonoro (en)canto dos anjos


sábado, 27 de agosto de 2011

RÁDIO. Alunos da Fanor vão a Povo-CBN


Conduzidos pela professora da disciplina de Rádio-Jornalismo, Katiúzia Rios, os alunos da Fanor estiveram esta semana nos estúdios da POVO-CBN. Eles foram conhecer como funciona na prática um programa - no caso, o nosso 'Grande Jornal'. Participaram, inclusive, fazendo perguntas aos entrevistados, além de uma conversa sobre os migrantes caboverdianos que estudam no Ceará. O estudante Oteldino Miranda foi o foco da entrevista.


FURACÃO. 'Irene' é o foco da mídia hoje


A mídia de todo o mundo focada no furacão Irene que chegou agora há pouco ao leste de Nova York e fez com que o trânsito da cidade parasse ao meio dia. Ao contrário da música Irene de Caetano, esse 'hurricane' não deixa ninguém satisfeito. Só medo. A CNN é uma das tvs que estão informando tudo sobre o fenômeno.



FALANDO NISSO

OLHA A EXPLORAÇÃO


LIÇÕES. Todo mundo gostaria de ser...




Tão harmonioso quanto Bach
Tão bondoso quanto Chico
Tão inteligente quanto Einstein
Tão perfeito quanto Jesus
Tão pacífico quanto Gandhi
Tão justo quanto Salomão
Tão santo quanto Francisco
Tão caridoso quanto Tereza de Calcutá
Tão belo como David de Michelângelo
Tão habilidoso quanto Dumont
Tão eficiente quanto Sabin
Tão paciente quanto Jó
Tão engraçado quanto Chaplin
Tão inspirado quanto Wagner
Tão poeta quanto Neruda
Tão sentimental quanto Romeu
Tão amorosa quanto Julieta
Tão forte quanto Sansão
Mas tão simples quanto Tolstoi
Tão musical quanto Jobim
Tão bom quanto Drummond
Tão virtuose quanto Mozart
Tão desbravador quanto Rondon
Tão famoso quanto Lennon
Tão bonito quanto Pitt
Tão sincero quanto Galileu
Tão grande quanto Alexandre
Tão sólido quanto Zé Alencar
Tão fiel quanto Abrão
Tão sábio quanto Hawkins
Tão ativa quanto Madame Curie
Tão gente como qualquer um.

Não é preciso tanto esforço,
Basta Ser, antes de querer Ter.

TECNO. Carregador de celular no tênis




Que tal recarregar a bateria do celular enquanto você faz caminhada matinal? A ideia não é impossível. Dentro de alguns meses será lançado no mercado europeu esse novo tipo de carregador. Ele utiliza uma célula de combustível na sola do sapato, segundo leio no Gizmóvil.

A ideia é da Nanopower Instep, que patenteou o protótipo e foi finalmente posta em prática. Mesmo considerando a possibilidade de usá-lo como um repetidor Wi-Fi a altura dos pés, evita-se a necessidade de um cabo que conecte os sapatos com o telefone, o que promete também redução do gasto de energia elétrica.

Esta é certamente uma boa notícia para os corredores que levam o telefone e ficam ouvindo música enquanto fazem caminhada.

JORNAL. O Globo trouxe informação '"fake"


O jornal O Globo, na coluna 'Em cartaz na web', publicou informação sobre a disponibilidade do filme 'O Poderoso Chefão' que estaria à disposição do público na rede. Era 'fake'. A retificação foi feita depois da seguinte forma:

LIÇÕES. Nem sempre a verdade prevalece



JORNAL. O maior jornal sai hoje às bancas


Para concorrer a um lugar no "Livro dos Recordes", o jornal alemão "Bild" sai às ruas hoje em uma gigantesca edição. O jornal dobra de tamanho para ficar com uma superfície por página de 52,8 por 77,7 centímetros, e se tornar "o maior 'Bild' de todos os tempos".

A capa é ocupada por uma foto gigantesca da ex-patinadora artística Katarina Witt. O jornal sai à venda por 0,70 euro. E na página central, Kati Witt, de 45 anos, posa nua, na prévia de uma reportagem que será publicada na próxima edição alemã da revista "Playboy".

TV. Marcos Uchôa se paramenta no JN


A informação está na Folha online: "O repórter Marcos Uchôa apareceu de capacete e colete à prova de balas na sua entrada ao vivo no "Jornal Nacional" desta sexta-feira.

Ele é o enviado da Rede Globo a Trípoli, capital da Líbia. "É bom vê-lo paramentado", disse Bonner hoje ao se despedir.

Ontem, o apresentador do telejornal deu uma bronca no repórter, após ser alertado por Fátima Bernardes de que Uchôa não usava de capacete. Ele disse: "então, um puxão de orelha no Uchôa".

O item é considerado fundamental para a segurança dos repórteres que estão na região, onde há enfrentamentos entre rebeldes e forças leais ao regime de Muammar Gaddafi.

Nada foi dito, porém, sobre o fato de o repórter estar sem equipamento de segurança durante a reportagem exibida no mesmo telejornal hoje.

No Twitter, Bonner brincou: "O Ushowa tá de capacete. E colete.""

IMAGENS. Gianecchini e Jobs emocionam



O ator Reynaldo Gianecchini deixa o hospital hoje no Rio.


O site TMZ publicou hoje uma foto de Steve Jobs debilitado

TV. Ana Flávia substitui Ian Gomes na Janga


Com as férias da Ian Gomes, Ana Flávia vem dando conta do recado na TV Jangadeiro. Ela, que é jornalista formada, já revelou sua qualidade como repórter em reportagens para os jornais eletrônicos da casa e agora surpreende fazendo reportagens criativas para um horário de show. Falo do Gente na TV, que vai ao ar às 10h45min no canal 12.

RÁDIO. UniversitáriaFM é indicada na ABI


A Universitária FM, que deu uma chacoalhada na sua grade programacional, é citada numa dica da página da Associação Brasileira de Imprensa, pelo professor cearense Alércio Flor.

"Desde outubro de 1982, quando foi inaugurada a Rádio Universitária FM, temos aqui, em Fortaleza, o programa ‘Antologia da música popular brasileira’, produzido e apresentado por Everardo Sobreira, aos domingos, a partir das 13h.

O ‘Antologia’ não é um programa de saudades, mas um passeio pelo que há de mais seleto na MPB que se fez até meados dos anos 50, além comentar fatos socioeconômicos da época. A Universitária FM pode ser sintonizada pela internet (107,5 megahetz) e Everardo Sobreira — professor universitário e um dos radialistas mais renomados do Ceará — aceita pedidos do público.O telefone da emissora é (85) 3366-7474.” Alaércio Flor, freelancer"

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

LEITURAS. Repórter sem formação, pode?


E o site Canal da Imprensa publicou esta semana, artigo surpreendendo-se com o anúncio de que um programa de TV requisita repórter mas que não precisa ser formado em jornalismo.

Sindicato dos Jornalistas repreende programa Tudo é Possível

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP) se manifestou, através de um comunicado oficial, em relação ao anúncio feito pelo reality show “A Casa da Ana Hickmann”. O programa produzido pela Record, disse estar em busca de uma nova repórter. Para conseguir a vaga não era necessário ter formação em jornalismo, bastava ser maior de 18 anos e enviar um vídeo para a produção do programa. Em comunicado divulgado nesta terça-feira, 2, a entidade avaliou esta situação como desrespeito aos profissionais.

“É o empobrecimento do jornalismo que também pode ser observado em outras redes, que da mesma forma, vem permitindo a entrada no mercado de trabalho de pessoas que não fazem reportagem e, sim espetáculos de qualidade duvidosa”, escreveu o presidente do sindicato, José Augusto Camargo.

A vencedora irá atuar no programa Tudo é Possível. Em resposta ao comunicado, a Rede Record disse que a atração não é de caráter jornalístico e sim de entretenimento.

MÍDIA. A polêmica troca do livro pelo 'tablet'


Falei esta semana em nosso programa de rádio - [ Grande Jornal Povo-CBN, 9 horas ] sobre a campanha que colégios fazem sobre o uso de tablets em substituição ao uso do livro. Agora há pouco, um professor do Colégio Militar de Fortaleza, amigo nosso, pediu-me para que eu acrescentasse à discussão o ítem ligado a questão da segurança, já que as mochilas dos alunos passaria a ser alvo de bandidos.


Em meio ao registro da imprensa e ao debate que o fato suscitou nas redes sociais, desejo indicar a leitura do artigo que li na última terça feira, "Campanha de escola afirma que 'tablet substitui livros' e gera polêmica em Fortaleza", do blogueiro Joares Miranda, publicado no site NumClique.

Há uma mudança no mundo atual. É o novo que cria esse tipo de argumentação. Até que ele se sustente como algo comum, rotineiro, tende a gerar sempre em discussões e avaliações. Desde que o mundo existe, discute-se as grandes transformações.

Quando foi para abolir a escravidão negra, houve campanhas de que a economia ia declinar. Que os escravos libertos iam morrer de fome. Quando se deu a troca da diligência para o carro motorizado, houve previsão de que seria o fim do mundo. Mais ainda com a chegada da aviação.

Quem não se lembra da discussão de que a TV ia sepultar o rádio? Até a Internet ainda hoje é vista por alguns como ferramenta responsável pela dissolução de ideias nocivas â sociedade, quando todo mundo sabe que é um dos inventos mais importantes de todos os tempos. Na verdade é a forma incorreta de todo invento, o maior responsável pelo bom ou mau uso que dele fizermos.

COLUNISMO. Cervejada do Dilson Alexandre




O 'nat' do profícuo jornalista e professor da FA7, Dilson Alexandre, promete. Ele vai ser 'host' de um papo regado a loirinha com tira-gosto de um pretinho básico para celebrar o novo domicílio residencial. A cervejada acontecerá no BNB, neste sábado e a lista de presentes tem endereço.

Gente fina é outra coisa.

JORNAIS. Impressos marcam mais o leitor


O impacto de uma notícia escrita em papel é bem maior do que as editadas digitalmente, segundo divulgou ontem a Mashable. Ela se baseia em um estudo realizado por doutorandos da Escola de Jornalismo e Comunicação do Estado do Oregon (EUA).

Eles descobriram que leitores de notícias impressas lembram-se "mais significativamente" do que aqueles que lêem notícias online. Leitores de impresso também se lembram muito mais de tópicos escritos na mídia de papel do que os leitores digitais.

Os três autores - Arthur Santana, Randall Livingstone e Yoon Cho - pesquisaram 45 alunos. Destes, 25 lêem a edição em papel do 'The New York Times' e 20 lêem o jornal exclusivamente online. Os participantes foram convidados a ler cada versão do papel por 20 minutos. Em seguida, eles foram interrogados sobre o que leram.

O trabalho de pesquisa oferece algumas possíveis razões para a disparidade: notícias online são consideradas "efêmeras", afirma o relatório. "Ele (leitor) pode aparecer e desaparecer sem aviso, criando assim um elemento de distração." Além disso, o layout de um jornal de papel dá aos leitores uma indicação sobre quais histórias são pensadas para ser mais importantes.

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

GOOGLE. Multada por anunciar remédio




Primeiro mundo é outra coisa. Os EUA multaram a Google em 500 milhões de dólares por anunciar mendicamentos através de seu AdWords - sistema de publicidade.

Na legislação norte-americana é proibido anúncio de remédios.

Parecido com o Brasil!...

POLÍCIA. Dançarina de banda presa no CE


Quem foi mesmo a dançarina de uma banda de forró que foi presa pela Polícia hoje "com munição, após 'farra' no Ceará" ?

O namorado responde por tráfico de drogas e porte ilegal de armas.

E qual é mesmo a banda que a notícia deixou de explicar?

TV. Record quer cobrar 50 milhões de Datena


Quem disse que a novela Record-Datena-Band havia chegado ao final? O pula-pula do apresentador poderá lhe custar mais uma multa rescisória. Tem uma de 2003, de 23 milhões, e agora uma outra em torno de 28 milhões de reais.

O Departamento jurídico da emissora, consultado pelo site Comunique-se, confirmou que entrou com duas ações de valores não revelados contra Datena devido às quebras de contratos.

ESPORTES. Baixou polícia e sobrou crítica


Lamentável a situação do nosso Fortaleza Esporte Clube. Para completar o quadro de desequilíbrio do time, até a Polícia foi chamada para conter a torcida indignada lá pelo Pici, como tuitou o Marcelo Bloc:


Por outro lado, o Ceará foi alvo de críticas hoje pela manhã pelos locutores Vavá Maravilha e Moacyr Luiz Dreyer durante o 'Toque Esportivo' da Povo-CBN.

Tudo porque o time andou escondendo da imprensa esportiva a situação física de um jogador do alvinegro que era anunciado entre os que viajaram para jogar na capital paulista e nem sequer viajou a São Paulo.

O 'homem mau' do Trem Bala, na TV, vociferou: "por que não falar a verdade? Quem perde é o torcedor".

TECNO. O que há de novo nesse mercado




A LogiTech está lançando teclados sem fio alimentados por energia solar com a qual as baterias vão ser dispensadas para sempre.

FORBES. Presidenta Dilma é a 3ª do mundo






Veja a LISTA DAS PODEROSAS

MÚSICA. O adeus de um mito do 'country'




E o cantor norte-americano Glen Campbell veio a público anunciar que ele tem a doença de Alzheimer e está marcando a despedida de carreira com um projeto surpreendentemente ambicioso. O cantor de música country vai se despedir com o lançamento de álbum de música com uma faixa final reveladora: 'Ghost on the Canvas', algo como 'Um fantasma na lona'. O lançamento será próximo dia 30.

5T3VE 7085. O visionário se demite da Apple



Steve Jobs, o visionário que fundou a Apple, anunciou em carta que já não pode mais continuar como CEO da gigante da tecnologia e entregou o cargo a seu sucessor Tim Cook. O grande Steve Jobs está com câncer e não tem mais como controlar a empresa. Seu nome, contudo, já está escrito na história da modernidade da Terra.



"Eu sempre disse que se algum dia acontecesse de eu já não poder mais cumprir com meus deveres e expectativas como CEO da Apple, eu seria o primeiro a contar para que vocês soubessem", disse Jobs em sua carta de demissão. "Infelizmente, esse dia chegou."

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

VÍDEO. O que está bombando na Internet





Num tem desses vídeos caseiros que, colocados no YouTube, estouram? O último deles é o de menino, entre 10 e 11 anos, que imita a personagem Janete (Thalita Carauta), do “Zorra Total” (Globo). Não se tem informações sobre a origem do vídeo, nem tampouco a identidade do garoto; mas, uma coisa é certa: em apenas três dias o garoto já virou celebridade em termos de acessos.

VIOLÊNCIA. Regras para entrevistar vítimas



O site Periodismo Indeleble listou 23 coisas que um repórter deve saber ao entrevistar vítimas de violência. São orientações compiladas por um grupo de jornalistas, coordenado por Judith Matloff, professora de jornalismo da Universidade de Columbia e colaboradora do The New York Times (e que aparece no vídeo abaixo). São orientações técnicas para serem aplicadas em situações hostis com vítimas de trauma. Tentei dar uma resumida:



1. Quando à frente das vítimas faça perguntas claras que ajudem a pessoa a relatar a sua experiência.

2. Utilize perguntas como: "Sabe o que aconteceu? Lembra-se do que se passou?

3. Use boa postura; muitos repórteres se aproximam das vítimas mais do que o habitual. Fique na frente dela, dando-lhe espaço suficiente.

4. Assuma uma atitude relaxada; lembre-se que um repórter ansioso é alguém nervoso isso pode prejudicar na coleta de dados.

5. Lembre-se de ser incisivo, sem demonstrar ânimo acirrado; quando um entrevistador é fraco, o entrevistado percebe.

6. Não faça perguntas como "minha empresa está interessada em sua história", que poderia fazer a vítima se sentir como um objeto de curiosidade.

7. Pelo contrário, mostre interesse no problema que o afetou e como através de seu relato é possível compreender a realidade dos fatos.

8. Ignore as perguntas triviais que só reativam o horror que a vítima já viveu.

9. Nunca pergunte: Como você se sente?

10.Olhar a pessoa bem nos olhos e focar seu pensamento no que está fazendo. Nessas ocasiões evitar o ruído interno em sua mente.

11. Concentre-se no relato da vítima e deixe de lado a questão da hora do encerramento, a não ser em transmissão ao vivo.

12. Desligue o telefone celular.

13. Respeite a dignidade da pessoa e não interrompa o relato.

12. Seja claro nas perguntas, se possível usando termos que são do uso das pessoas da área onde mora seu entrevistado.

13. Para ver se você entendeu toda a informação fornecida pela vítima, volte atrás para esclarecer o que ficou em dúvida, tipo: "Você disse que nessa data estava no carro. A que horas?" Isso permitirá que os dados também ajudem no entendimento da história.

14. Antes da entrevista com qualquer pessoa, informe-a sobre quem é você, sua empresa e o assunto a ser tratado. Muitos entrevistados não lhe conhecem - e nem têm a obrigação de conhecê-lo, nem a empresa a qual representa.

15. Ao falar com uma vítima, evite tirar fotos do rosto, irá demonstrar a dor de outras maneiras.

16. Nunca aumente o drama da pessoa entrevistada com frases como "Deve estar sofrendo muito com essa morte, não?"

17. Lembre-se que o seu trabalho não é julgar, mas explicar a realidade.

18. Dê oportunidade de a vítima interromper o relato se ela não estiver interessada em continuar. Pode propor: "No momento que desejar, seguimos conversando".

19. Não dê conselhos nem crie falsas expectativas sobre o uso que dará a informação. As vítimas devem saber que há coisas que você não pode controlar.

20. A vítima deve saber que a outra parte terá também direito a dar a versão dela da história.

21. A transparência com as vítimas é questão básica: nunca minta sobre você e só depois de interpelá-la é que revele ser jornalista.

22. Você tem que deixar bem claro com você mesmo que a história dela é apenas uma parte do quebra-cabeça.

23. Aprenda a escutar mais e perguntar menos.

JUSTIÇA. Xuxa não plagiou escritora em filme



A Justiça decidiu: Xuxa não plagiou a escritora Ana Maria Salgado. Esta entrou com ação reivindicando direitos mas não conseguiu provar na segunda instância da Justiça fluminense ser vítima de plágio.

A 17ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro julgou improcedente pedido de indenização por dano moral e material contra Xuxa Promoções e Produções Artísticas, Marlene Mattos e Diler e Associados.

De acordo com a escritora, os filmes Xuxa e os Duendes e Xuxa e os Duendes 2 são plágio de Maria da Graça em: O Portal, obra de sua autoria.

Leia a explicação AQUI.

JORNALISMO. Estudantes vão ao encontro



Estudantes universitários de Jornalismo podem participar do II Encontro Estadual dos Jornalistas em Assessoria de Comunicação no Ceará (EEJAC), que será aberto sexta-feira (26), no teatro do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura.

As inscrições online terminam hoje no Portal Sindjorce. Basta clicar no banner do II EEJAC, em destaque na capa do Portal www.sindjorce.org.br. Segundo a organização do evento, jornalistas sindicalizados em dia e sócios aposentados terão inscrição gratuita.

Valor das inscrições:
Estudantes de jornalismo pré-sindicalizados - R$ 30,00
Estudantes de jornalismo não-pré sindicalizados - R$ 40,00
Jornalistas sindicalizados em dia e aposentados - Cortesia
Jornalistas sindicalizados inadimplentes - R$ 60,00
Jornalistas não-sindicalizados - R$ 80,00
Observadores - R$ 100,00

FOTOGRAFIA. Holywood desmascarada



Os truques de cinema estão sendo descobertos via exposição em Holywood. A Academia de Arte reuniu 115 imagens dos sets de filmagens com alguns dos 'efeitos especiais' que faz da 'meca do cinema' uma fábrica de ilusões. A academia pretende homenagear o trabalho dos técnicos que estão por trás das câmeras.


O Super-Homem voando em ’Superman Returns’ (2006) ajudado pelos técnicos de efeitos especiais. Cortesia da Warner Bros., 2006.


Uma balsa elétrica de ’Yogi Bear 3D’.

terça-feira, 23 de agosto de 2011

GENTE FAMOSA. Fabiane e o noivo na noite



A apresentadora Fabiane Kaczan tem bolado sair mais de casa, dando um 'time' no trabalho para se dedicar mais ao lazer. Tudo porque o noivo está de férias em Fortaleza e ela aproveita para passar com ele mais tempo. E na balada, show de humor.

Hoje ela foi comemorar os três anos de felicidade de namoro com ele na Lupus, curtindo o show de Pitaco e Rossicleia. O que achou dele?


LIÇÕES DE MARKETING. Pés descalços


Uma empresa fabricante de sapatos enviou um representante a África para abrir um novo mercado. Quando o viajante voltou a empresa um mês depois, seu informe era totalmente negativo.

Zapatos

- Na África quase todo mundo vive descalço. Portanto, não vamos vender nada.

A direção da empresa, que não se deixou abater pela má notícia, enviou um segundo representante a África para averiguar o que se passava. Quando este retornou, um mês depois, elaborou um relatório bem diferente.

- Estamos com sorte, senhores! Naquele continente ninguém tem sapatos. Temos todo um mercado para abrir.

Moral da estória: diante de uma garrafa meio vazia, o bom vendedor sempre a vê meio cheia.

TV. Rosana Hermann estreia na Record





Blogueira e jornalista, com trabalho que eu muito admiro, Rosana Hermann estreia nesta quarta feira como comentarista do Jornal da Record, ao lado do âncora Heródoto Barbeiro.

Vou ficar ligado para acompanhar mais esse lance da Rosana que já foi da Globo, da Band e de um bocado de trabalho bom pra danar. Sucesso!