terça-feira, 22 de novembro de 2011

JORNALISMO. O futuro do impresso no Brasil


O jornal impresso vai ser "rei" nos Estados Unidos apenas por mais sete a dez anos. É o que disse o presidente Earl Wilknson, da Inma (Internacional Newsmedia Marketing Association).

Citou que na Índia, o impresso vai reinar por mais 50 anos. O caso do Brasil, segundo ele, aproxima-se do modelo indiano.

A circulação cresce em países com classe média em expansão e taxas significativas de analfabetismo. 

Leia matéria na FOLHA

Nenhum comentário: