domingo, 25 de julho de 2010

DJ. Uma profissão a ser regulamentada

Imagem: Folha
Eles existem há uma pá de tempo, para usar uma expressão da origem da atividade, mas nunca foram regulamentados como profissão. Falo dos DJs (disc-jóqueis). Agora a coisa está a caminho de acontecer. E quando for aprovado pelo Congresso, todo profissional vai ter que entrar nas regras para pegar o batente.

Para ser DJ, o candidato terá que ter certificado de curso profissionalizante para registro na Superintendência Regional do Trabalho e Emprego ( qual é a faculdade que forma DJ?). A jornada de trabalho será de seis horas diárias e 30 horas semanais.

Quem já está na chuva, digo na atividade, não vai ficar ao léu. Será dada chance de exercer a atividade mediante atestado do sindicato da categoria ( Onde é que tem essa entidade?).

Nenhum comentário: