sábado, 26 de junho de 2010

SP. A sagrada virtude dessa arte paulista


Nonato/Regina Albuquerque

Manhã de sábado em SP foi para curtir a Pinacoteca. Fundada em 1905, funciona no antigo Liceu de Artes e Ofícios. Há seis anos incorporou antigos armazéns da Estrada de Ferro Sorocabana. Em toda sua extensão, vibra a sagrada virtude da arte paulista.

Com mostras que vão desde o 'Ouros de Eldorado', arte pré-hispânica da Colômbia, passando pelo acervo da instituição - óleos, acrílicos, gravuras, obras em gesso, bronze e mármore -, a Pinacoteca reune o melhor dos artistas paulistas como Almeida Jr, Tarsila do Amaral, Antonio Parreiras, entre outros.

Um comentário:

Davi disse...

Antonio Parreiras não era Paulista...
Ele era nascido em Niteroi, RJ!