sexta-feira, 21 de maio de 2010

Ano Eleitoral. Os aproveitadores fazem fila


Esta tarde vi na Band entrevista dessa pretensa paranormal Amira Lepore, que a exemplo dos aproveitadores de plantão, vive a falar um monte de leviandades pelo Brasil como se fosse uma grande profetisa. Toda vez que é ano eleitoral, pessoas assim aparecem na TV como a querer ressuscitarem a Idade Média, onde tudo o que se dizia os incautos acreditavam.

Ano de Copa do Mundo e lá vem a 'bruxa', como ela própria costuma se autodefinir, a invadir o meio-de-campo do Dunga para tentar infernizar o trabalho do técnico.



E, pelo visto, não se deve dar muito crédito ao que dona Amira escreve não, pois ao longo das previsões que ela diz ter feito desde os tempos de criança no governo Getúlio Vargas, a coitada não teve oportunidade de aprender nem o nosso vernáculo. Olha só como ela precisa não de bola de cristal, mas de uma boa aula de Mobral:

2 comentários:

Anônimo disse...

num pais que os mais espertos e mal intencionados fazem a festa ludibriando os menos inteligentes estes pessoal fazem a festa não acredito e nem assisto estas pessoas que não sabem de nada a não ser falar coisas provável que sempre acontece no cotidiano de uma pessoas. são pessoas que ler muito e são antenado mesmo não tendo muito estudo . o lula daria um bom vidente pois sempre sai dando previsões em qual quer assunto que venha a contestar o seu lembra da crise que ele falou que aqui iria chegar só uma marolinha. e no desespero que estão acho que já viram algo diferente nas eleição pra sair fazendo campanha política mesmo descumprindo a lei eleitoral e levando multa.coisa feia pra um chefe de uma nação. é isso ai.

Anônimo disse...

Fora alguns aproveitadores que trabalham em rádio,jornal e TV .Colocam seus interesses pessoais sobre a profissão,no rádio esportivo local esta cheio,pior que não é candidato,tem colunista e radialista fazendo campanha contra um suposto candidato.Mando de quem??Não sei...Mas esta ficando feio e faltando ética para esses dinossauros do rádio e jornal local.

Deixar claro que não estou falando de vc Nonato.