domingo, 16 de maio de 2010

Rádio. Carlos Augusto desabafa na Internet


O comunicador Carlos Augusto iniciou um blog neste sábado onde reúne pensamentos em torno do momento que diz estar vivenciando em sua carreira profissional. Nele postou um texto em forma de desabafo, que diz ter sido preparado para dividir com o público no retorno ao microfone da Verdes Mares, no último dia 12, mas que foi impedido.

Ao longo do escrito, o radialista fala de riscos que se precisa correr na vida , "risco de fracassar, de ser mafiado (sic), de ser rejeitado, de adoecer", mas se diz forte diante do poder de Deus para enfrentar a realidade.

Aproveita para agradecer a Fortaleza, "a todos os ouvintes queridos, pelas boas vindas e por todo amor que me foi dispensado. Estou aqui mais uma vez com o objetivo de ajudar os mais carentes, com o objetivo de levar uma mensagem de um futuro melhor para todos', redigiu como forma de desabafo e que seria a mensagem de abertura do seu programa na semana que passou.

2 comentários:

Mocorongo disse...

Carlinhos com Fé em Deus que vc consegue.
Um dos maiores Comunicadores de radio do Ceará na minha modesta opinião.
"A Tempestade vai passar..."
Adriano Magalhães

Cláudio Teran disse...

Na realidade se repetiu com o Carlinhos o que ocorreu com outros comunicadores. O grande (e saudoso) Roberto Losan foi comunicado formalmente de sua demissão de maneira cruel. O Diário do Nordeste trouxe matéria na primeira página anunciando que o novo comunicador do Show da Manhã (este mesmo programa que viraria o Show do carlos Augusto) estava contratado e atuaria das 9 às 12 horas. Losan levou um choque e um golpe. Aceitou por uns dias ser deslocado para o final da tarde após o programa João Inácio Jr. Uma semana mais tarde ele seguiu para São Paulo para tratar de problemas familiares. Ao voltar pediu demissão e foi trabalhar na Rádio Globo/SP e até novela na TV Globo andou fazendo. Ou seja, foi para uma melhor. Bem melhor. Tempos mais tarde a mesma Verdinha aprontou com Laerte Alves, que veio como solução e foi demitido de forma idêntica a Carlinhos. Há um aspecto pedagógico em tudo isso. A Verdinha só se afunda com a pior programação do rádio e os piores apresentadores. Seus medalhões podem ter muita audiência mas estão defasados no tempo e no espaço.