segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Jornal. Condenado a indenizar um cineasta


Atentado à vida privada. Foi como a Justiça classificou a publicação pelo jonal francês Le Parisien de fotos do cineasta Roman Polanski e sua mulher, durante a detenção do diretor na Suiça. O jornal foi condenado a pagar uma multa de 3 mil euros ao cineasta.

O Parisien publicou, em 5 de dezembro, três fotos da família no chalé que possuem na estação de esqui suíça de Gstaad, onde Polanski está sob prisão domiciliar. Uma das fotos mostrava o diretor quando chegava ao chalé; na outra, a mulher por trás de uma janela, e, na terceira, o filho do cineasta no jardim.

Um comentário:

Valdimiro disse...

Nonato, cade o antena, nao to acessando mais.
josevaldimiro@globo.com